Luxa sugere que Flamengo jogue em Brasília contra ‘La U’

Primeiro jogo das oitavas da Copa Sul-Americana será no dia 5 de outubro



O Flamengo é o mandante, mas virou refém da decisão do adversário. Sem o Engenhão por causa dos shows do cantor canadense Justin Bieber, nos dias 5 e 6 de outubro, a diretoria rubro-negra ficou sem um estádio para mandar a partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O jogo contra o Universidad de Chile, marcado para o dia 5, poderá ser no Pacaembu, em São Paulo.

Segundo o gerente de futebol Isaías Tinoco, a sugestão de mandar o confronto no palco paulista, que estará vago na data, foi dos chilenos e agrada ao Flamengo. De acordo com o regulamento da Conmebol, o time visitante precisa concordar com a mudança se o novo local estiver a mais de 50 quilômetros de distância.

Vanderlei Luxemburgo, no entanto, tem sua preferência. Ele sugere que o jogo seja disputado no estádio Bezerrão, no Gama, cidade-satélite de Brasília. Como a decisão passa pelo adversário, o técnico não crê que será atendido.

- O Engenhão é o estádio do Rio de Janeiro. Tirando o Engenhão, não tem outro local para se jogar. Volta Redonda e Macaé não servem (estão acima do limite de distância). Para jogar em outro lugar, tem que ter o aval do chilenos. Aí não tem que gostar ou não. Tem que jogar. Eu prefiro jogar em Brasília. Lá, o Flamengo ia jogar na sua casa. São Paulo não é a casa do Flamengo. Brasília é neutro, não tem tanta rivalidade. Seriam 20 mil torcedores do Flamengo. Acho que eles não vão querer sair de São Paulo, que tem voo direto, para ir para Brasília ? disse.

Após a vitória por 2 a 1 sobre o América-MG, sábado, pelo Brasileirão, o grupo do Flamengo ganhou dois dias de folga. O time volta ao trabalho na manhã desta terça-feira, às 10h, no Ninho do Urubu. No domingo, o adversário será o São Paulo, no Morumbi.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com