City exige \"entrada\" por Tevez, mas Timão só quer pagar em 2012

City exige \"entrada\" por Tevez, mas Timão só quer pagar em 2012

É esse o maior entrave na negociação entre os dois clubes

O valor já foi acertado ? 40 milhões de euros, pouco menos de R$ 90 milhões, mais bônus por metas alcançadas -, mas o Manchester City não abre mão de receber a primeira parcela ?no ato? da venda de Carlitos Tevez para o Corinthians. É esse o maior entrave na negociação entre os dois clubes. Outro empecilho é o prazo do pagamento. O Corinthians quer pagar em quatro anos. O City não quer esperar tanto.

- A gente quer começar a pagar a partir do início do ano que vem, eles querem agora e num prazo menor. O valor já está acertado, mas não podemos nos comprometer agora. Não temos como mudar nossa proposta ? disse Roberto de Andrade, diretor de futebol do Corinthians, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

A janela de transferências se fecha nesta quarta-feira. O dirigente acredita que Tevez ainda possa fazer valer sua vontade de voltar à América do Sul, convencendo o clube inglês de que não se sente bem na Europa. Andrade vê um Tevez mais maduro do que aquele que deixou o Corinthians em 2006.

- Aquela vinda dele do Boca pra cá foi a primeira transferência do atleta. Ele veio ganhando muito mais do que ganhava no Boca. É outra situação agora. Hoje o Tevez tem uma condição financeira melhor que em 2006, bem mais estável ? disse o dirigente.

- E tinha o Leão no Corinthians. A gente sabe que trabalhar com o Leão não é fácil ? emendou, lembrando que o atacante argentino teve problemas de relacionamento com o então treinador do Timão.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com