Maradona visita sede da Copa do Mundo na África do Sul e elogia Ronaldinho Gaúcho

Maradona visita sede da Copa do Mundo na África do Sul e elogia Ronaldinho Gaúcho

"Argentina não é favorita para ganhar o Mundial, ainda precisa trabalhar muito para isso"

Depois de muito assédio em sua chegada à África do Sul, na manhã desta segunda-feira, Maradona esteve na Universidade de Pretória à tarde para vistoriar os campos onde a Argentina vai treinar durante a Copa do Mundo. Ao fim da atividade, foi simpático e topou falar, embora sua assessoria tivesse informado que não daria entrevistas. Além de comentar as chances dos hermanos da Copa do Mundo, El Pibe voltou a demonstrar sua admiração por Ronaldinho Gaúcho, a quem considerou um dos melhores jogadores de todos os tempos.

- Não entendo por que há tantas críticas em relação a ele. Eu assisto aos jogos do Milan e só vejo Ronaldinho. É um dos maiores que já vi jogar e espero poder vê-lo aqui na África do Sul no Mundial. Mas se não vier, seguirá sendo um dos melhores de todos os tempos - elogiou.

Em relação à Argentina, Maradona foi humilde ao comentar as chances de sua equipe no Mundial. Para ele, os bicampeões mundiais não estão entre os favoritos.

- A Argentina não é favorita para ganhar o Mundial, ainda precisa trabalhar muito para isso. Os principais candidatos ao título são os de sempre: Brasil, Alemanha, Itália e agora a Espanha. Eles estão à frente no momento. Nós lideramos o segundo pelotão e temos que trabalhar duro para nos aproximarmos deste grupo - analisou.

Maradona fica na África do Sul até a manhã da próxima sexta-feira. Durante a semana, irá aos lugares que receberão a Argentina no Mundial, visitará o estádio Soccer City e participará de atividades em escolas sul-africanas.

Fonte: g1, www.g1.com.br