Na crise do Fla, Felipe apela para o torcedor: ‘Corda no pescoço’

Na crise do Fla, Felipe apela para o torcedor: ‘Corda no pescoço’

Goleiro diz que proximidade da zona de rebaixamento preocupa e que vitória sobre o Grêmio é obrigação

Felipe foi um dos poucos jogadores a parar no saguão do Aeroporto Santos Dumont para falar com os jornalistas na volta do Flamengo ao Rio, nesta quinta-feira, após a derrota por 2 a 0 para o Santos, na Vila Belmiro, pela 24ª rodada do Brasileirão. Por alguns minutos, o goleiro falou, buscou justificativas, mas não conseguiu explicar o momento ruim do time no campeonato. Com 27 pontos, o Rubro-Negro é só o 16º colocado na tabela, uma posição à frente da zona de rebaixamento.

- Faltam 15 jogos e a gente nem está pensando em quantas vitórias tem que fazer. Existe, sim, uma grande preocupação, são quatro derrotas seguidas, seis partidas sem vencer, a confiança não é a mesma de antes. Passa a ser obrigação vencer o Grêmio para não ter que se preocupar ainda mais com os times que estão atrás da gente. O Grêmio é uma equipe forte, tem um grande treinador e faz boa campanha. Mas não tem outro jeito, a corda está no pescoço - disse o camisa 1.

O Flamengo recebe o Tricolor gaúcho no domingo, no Engenhão, às 18h30m. A equipe de Vanderlei Luxemburgo, ex-técnico rubro-negro, está no G-4 e briga pelo título. Para a tentativa de reabilitação contra um adversário que vive boa fase, Felipe apela para os torcedores.

- Temos que voltar a vencer e para isso pedimos o apoio do torcedor. Se ele abandondar o clube, fica complicado. A gente não sabe o que está dando errado. Das últimas derrotas, o jogo contra o Santos foi melhor da equipe. Não estamos fazendo por onde vencer as partidas. O que temos feito não está sendo suficiente para conseguirmos a vitória.

O goleiro reconhece que o risco de rebaixamento é real e cada vez mais incômodo.

- A vantagem era grande, agora são só quatro pontos à frente (do Sport, o primeiro do Z-4). A partir do momento que você não vence, as equipes de trás começam a encostar. Temos chances de sobra ainda para sair dessa situação e só depende da gente.

O grupo do Flamengo foi liberado após o desembarque. A volta aos treinos será na manhã desta sexta-feira, às 9h30m, no Ninho do Urubu. A diretoria fez uma promoção de ingressos para a próxima partida na tentativa de atrair os torcedores.

Fonte: Globo Esporte