Natação: Técnico de Cielo assume culpa por derrota

Natação: Técnico de Cielo assume culpa por derrota

Nadador brasileiro já visa mudanças para o ano que vem

O técnico do nadador Cesar Cielo, o australiano Brett Hawke, admitiu falta de participação nos treinos depois do rendimento abaixo do esperado no Pan-Pacífico, como publicou o jornal Folha de S.Paulo.

- Eu o decepcionei como treinador. Nesta temporada, tive dificuldades porque precisei terminar meus estudos e não estive tão próximo quanto gostaria. Quando vi Cesar nadar aqui, percebi que não era o Cesar que eu conheço.

Hawke está em sua primeira temporada como diretor da equipe de natação da Universidade de Auburn, nos Estados Unidos. Recém-formado e com funções administrativas a cumprir, o treinador planeja mudanças no treinamento. Hawke disse ainda que Cielo "precisa de mais natação" e que ele podia cometer falhas nesta competição.

- Aqui é um Pan-Pacífico, não Jogos Olímpicos ou Mundial. Nós sabemos que podemos melhorar. É importante para ele aprender que é impossível vencer o tempo todo. É melhor sentir isso aqui do que no Mundial ou na Olimpíada.

O nadador brasileiro conquistou três medalhas no Pan-Pacífico de Irvine: um ouro surpreendente nos 50 m borboleta, um bronze nos 100 m livre e uma prata nos 50 m livre, sua especialidade. Cielo se mostrou arrasado após perder essas duas últimas competições, e chegou a dizer que algo de errado estava acontecendo nos treinamentos. O brasileiro já visa mudanças para o ano que vem.

Fonte: R7, www.r7.com