Neymar é alvo de racismo durante amistoso da Seleção

Neymar foi vaiado pela torcida adversária durante toda a partida, principalmente quando sofria faltas.

O atacante Neymar foi hostilizado e alvo de racismo no Emirates Stadium, durante o amistoso do Brasil com a Escócia. Uma banana foi atirada no gramado enquanto o jogador disputava um lance na área adversária. Neymar foi o destaque da partida e marcou os dois gols da vitória brasileira, neste domingo, em Londres.

Neymar foi vaiado pela torcida adversária durante toda a partida, principalmente quando sofria faltas. Melhor jogador em campo, o atacante lamentou a atitude dos torcedores.

- Ficamos totalmente tristes com isso. Não é bom sair do país e ver coisas assim. É melhor nem tocar no assunto - afirmou o atleta ao SporTV.

Convocado pela terceira vez, Neymar soma três gols em três partidas com a camisa da seleção.

- Racismo não tem espaço no mundo. Na Europa, que se diz um país do primeiro mundo, é onde acontece mais - reclamou o volante brasileiro Lucas, que joga pelo Liverpool.

Chefe de uma torcida organizada escocesa, Hamish Husband negou que a atitude tenha partido de seu grupo.

- Neymar foi vaiado porque acreditávamos que ele estava fingindo uma lesão. O racismo não tem espaço conosco e, se exisitesse, nos encarregaríamos de eliminá-lo.

Há poucos dias, o brasileiro Roberto Carlos, que defende o time russo Anzhi, sofreu agressão semelhante. Antes da vitória sobre o Zenit, em São Petesburgo, um torcedor do clube adversário ofereceu uma banana ao brasileiro na entrada dos times em campo. O lateral Marcelo, também da seleção brasileira, foi vítima de insultos racistas recentemente quando defendia o Real Madrid no clássico contra o Atlético de Madri.



Fonte: Terra, www.terra.com.br