Neymar está a dois jogos de superar o "Rei Pelé" na Libertadores

Neymar está a dois jogos de superar o "Rei Pelé" na Libertadores

Neymar, por sua vez, pode conseguir o feito com 19 anos e quase cinco meses, o que o consagraria ainda mais jovem

O atacante Neymar voltou a chamar para si a responsabilidade e comandou o Santos no emocionante empate por 3 a 3 contra o Cerro Porteño-PAR, que deu ao time brasileiro uma vaga na decisão da Copa Libertadores. Com o resultado, o camisa 11 fica a dois jogos de fazer história com a camisa alvinegra, conquistar o título continental e de quebra poder "superar" uma marca de Pelé.

Isso porque o ex-atacante e maior atleta da história do Santos foi campeão da Libertadores pela primeira vez quando tinha pouco mais de 21 anos e 10 meses de idade. Neymar, por sua vez, pode conseguir o feito com 19 anos e quase cinco meses, o que o consagraria ainda mais jovem.

Cada vez mais importante para o Santos, o atual camisa 11 santista segue fazendo bonito e decidindo os duelos do clube alvinegro na temporada. Depois de marcar o gol do título do Campeonato Paulista contra o Corinthians e também ser protagonista nas fases anteriores da Libertadores, ele voltou a brilhar nessa quarta, em Assunção.

No empate por 3 a 3, Neymar foi responsável direto por dois gols alvinegros e deixou o Estádio La Olla Azulgrana como um dos heróis da suada classificação. No lance do segundo tento, dividiu no alto com dois zagueiros e o goleiro, e viu os adversários se confundirem, marcando gol contra.

Já no terceiro tento, recebeu belo passe de Arouca e bateu firme, estufando as redes do Cerro e abrindo 3 a 1 para o Santos, o que praticamente definiu a classificação. Agora, com o sucesso cada vez maior e o amadurecimento precoce do jovem santista, as comparações com grandes ídolos tornam-se inevitáveis.

Ao término do jogo, por exemplo, o meio-campista Elano rasgou elogios ao atacante Messi, do Barcelona ¿ duas vezes eleito melhor jogador do mundo pela Fifa e possível adversário no Mundial de Clubes, caso o Santos conquiste a Libertadores -, mas deixou claro que "é mais Neymar". A equiparação com o argentino é cada vez maior no futebol brasileiro e, ao menos para a maioria dos torcedores santistas, o brasileiro é muito melhor.

Com Pelé, considerado o Rei do Futebol, é obviamente muito cedo para comparações, mas Neymar não faz feio se observado os números de ambos com a mesma faixa de idade. Nesse caso, Neymar ganhou mais títulos oficiais que Pelé pelo Santos (3 a 2) quando tinha 19 anos e ainda pode conquistar outros, já que está na final da Libertadores e ainda tem o Brasileiro deste ano pela frente.

O ex-camisa 10, por outro lado, mesmo tendo, no caso, erguido menos troféus pelo time da Vila Belmiro, já tinha uma Copa do Mundo no currículo - a de 1958, vencida na Suécia quando tinha apenas 17 anos. Contudo, Neymar jamais disputou a competição, apesar de, no ano passado, um forte apelo popular ter tomado conta do País - o técnico Dunga ignorou o fato e deixou o astro por aqui, e a Seleção naufragou nas quartas de final.

Com a classificação à decisão da Libertadores e a possível conquista do título, o principal jogador em atividade no Brasil poderá escrever de vez seu nome na história do Santos e seguir quebrando marcas. Pelé o fez por 19 anos com a camisa alvinegra. Só resta saber por quanto tempo Neymar seguirá dando alegrias em solo nacional e rejeitará o cada vez mais forte assédio europeu.

Confira números de Neymar e Pelé pelo Santos com a mesma faixa de idade:

Títulos pelo Santos (aos 19 anos e 4 meses de idade)

Pelé: 2 - Campeonato Paulista (1958) e Torneio Rio-São Paulo (1959)

Neymar: 3 - Campeonatos Paulistas (2010 e 2011) e Copa do Brasil (2010)

Gols pelo Santos (aos 19 anos e 4 meses de idade)

Pelé: 239 gols em 215 jogos (média de 1,1 por partida)

Neymar: 66 gols em 134 jogos (média de 0,5 por partida)

Fonte: Terra