Neymar revela vídeo inspirador para não reagir a provocações e pancadas

O jogador mostrou maturidade e não reagiu às faltas recebidas.

Neymar sofreu com a marcação da seleção de Portugal, nesta terça-feira, na vitória do Brasil por 3 a 1, em Boston (EUA). No primeiro tempo, tomou cotovelada no queixo, trombada e alguns pontapés. Mas mostrou maturidade e não reagiu às faltas recebidas.


Neymar revela vídeo inspirador para não reagir a provocações e pancadas

Em entrevista à TV Globo, o camisa 10, autor de um belo gol na partida, revelou que antes do confronto assistiu a um vídeo que o "inspirou" a não reagir às jogadas violentas e provocações dos adversários.

"Antes do jogo eu assisti um vídeo, até mostrei para o Thiago Silva, que é exatamente sobre isso, de não reagir à provocação. Não só para mim, mas para os meus companheiros também", afirmou o atacante do Barcelona. "Daqui a pouco passa", brincou sobre as pancadas.

Neymar foi a "vítima" preferida de Bruno Alves e Pepe, defensores da equipe portuguesa, especialmente no primeiro tempo. O zagueiro brasileiro, naturalizado português, tentou ao menos duas vezes intimidar o camisa 10 com trombadas e gritos na cara. Em uma delas, o atacante levou cartão amarelo mesmo sem ter reagido.

Em agosto, na derrota do Brasil para a Suíça, Neymar já havia deixado o gramado reclamando da marcação faltosa da equipe europeia. Na ocasião, o atacante teve uma atuação bastante apagada e sofreu com as pancadas dos defensores rivais, algo cada vez mais comum conforme Neymar torna-se protagonista no futebol europeu.

Além de marcar um golaço, o craque teve participação também no terceiro gol da seleção. Já no segundo tempo, ele fez boa jogada pela esquerda e rolou para Maxwell cruzar nos pés de Jô, que apenas escorou para as redes.

Antes da partida, Neymar deu um susto. Ele, David Luiz e Thiago Silva passaram mal e vomitaram no vestiário do Gillette Stadium. O trio teria ficado enjoado durante a viagem de 50 quilômetros até o local e vomitado antes do jogo.

Fonte: UOL