Overeem é pego no antidoping e pode não enfrentar Jr Cigano

Overeem é pego no antidoping e pode não enfrentar Jr Cigano

Exame do holandês, realizado de surpresa, acusa taxa de testosterona muito acima do normal.

O holandês Alistair Overeem foi pego no exame antidoping surpresa realizado no último dia 27, após uma entrevista coletiva do UFC 146, e pode não enfrentar mais o brasileiro Junior Cigano na luta que seria a atração principal do evento, no dia 26 de maio. O teste do peso-pesado apontou uma taxa de testosterona muito acima do normal. A informação foi divulgada na tarde desta quarta-feira pelo site americano "MMA Junkie", após conversa com Keith Kizer, diretor executivo da Comissão Atlética de Nevada, em Las Vegas, cidade que irá abrigar o card.

De acordo com o dirigente, Overeem tem direito a uma contraprova que, se der resultado negativo, fará com que ele receba a licença para lutar. Os demais participantes da coletiva, Junior Cigano, Cain Velásquez, Frank Mir, Roy Nelson e Antônio Pezão testaram negativo para o mesmo exame. O teste do holandês acusou um índice da substância epitestosterona no organismo de 10 para 1, excedendo o limite aceitável pela comissão, que é de de 6 para 1.

O Ultimate, que é quem decide nesses casos, ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto. O SPORTV.COM entrou em contato com Cigano, que, por meio de sua assessoria de imprensa, afirmou que não vai comentar o ocorrido antes de qualquer parecer da organização.

Não é a primeira vez que o holandês enfrenta problemas com doping. Fora as especulações que cercam o lutador por conta do rápido ganho de massa muscular desde os tempos do extinto Pride, ele já faltou a um exame antes de enfrentar Brock Lesnar, no UFC 141, em dezembro passado. Na ocasião, Overeem alegou que teve de ir ao seu país para cuidar da mãe, com problemas de saúde. A mesma Comissão Atlética de Nevada, no entanto, afirmou que só concederia a licença para a luta com a realização de um novo exame. O peso-pesado passou no teste, venceu Lesnar e, assim, tornou-se desafiante ao cinturão de Junior Cigano.

Além do confronto pelo título, o UFC 146 conta ainda com mais quatro lutas da divisão dos pesados: Velásquez x Mir, Nelson x Pezão, Gabriel Napão x Shane del Rosario, e Mark Hunt x Stefan Struve. Por esse detalhe, o evento foi anunciado como o "maior de todos os tempos".

Fonte: Sportv