Palmas e River duelam pela ponta do Brasileirão da série D

Palmas e River duelam pela décima rodada no estádio Nilton Santos

Definidos os classificados do grupo A2 do Brasileirão da série D, é hora de conhecermos quem vai passar em primeiro lugar. Palmas e River duelam pela décima rodada no estádio Nilton Santos, na capital tocantinense, em um jogo que promete ser muito disputado.

Os donos da casa lideram a chave, com 14 pontos, e por isso jogam por um empate. Ao River, só resta vencer para tentar alcançar a ponta do grupo e, consequentemente, conseguir o direito de disputar em casa o segundo jogo das oitavas de final.

No Palmas, a partida representa a chance de escrever mais um capítulo em uma campanha marcante, dado o fato de que o time foi confirmado poucos dias antes da competição começar, e acabou surpreendendo no grupo.

O técnico Wilsomar Sena já sinalizou que o time deve ir com força total para o duelo - até mesmo com Wallace e Leandrinho, “pendurados” por conta do critério dos cartões amarelos.

O River, por sua vez, também fez história, com a classificação inédita para as oitavas. Flávio Araújo e seus comandados querem ir mais longe na competição, e sabem que o jogo deste domingo será decisivo para esse propósito. No entanto, há problemas no horizonte do Galo Carijó.

O zagueiro Rafael Araújo levou o terceiro amarelo e terá que cumprir suspensão (Índio é o substituto). Além disso, o também zagueiro e capitão Paulo Paraíba sentiu dores na canela na sexta-feira e acabou cortado do jogo. A dúvida de Flávio Araújo fica entre Jadson e Bruno Lopes para a vaga de Paulo.

Também devem acontecer mudanças no meio de campo e na parte ofensiva. Com Carlinhos e Esquerdinha pendurados, Flávio Araújo deve começar com Júnior Xuxa no setor. No ataque, Eduardo - recuperado de lesão - deve voltar a ser titular.

A arbitragem de Palmas e River ficará a cargo de um trio goiano. Fabricio Nery Trindade apita, auxiliado por Ygor Monteiro de Miranda e Tiago Gomes da Silva. No mesmo horário, Santos/AP e Guarani de Juazeiro cumprem tabela no estádio Zerão, em Macapá.

Fonte: Dowglas Lima