Palmeiras e Corinthians jogam e Ronaldo volta a campo de alegria e dor no Brasileirão

Ronaldo dividirá as atenções em campo com o atacante palmeirense Obina

Corinthians e Palmeiras se enfrentam às 16h deste domingo (1º), em Presidente Prudente, em clássico pelo Campeonato Brasileiro e que tem vários atrativos além da rivalidade entre os clubes. Em campo estará em jogo a liderança do torneio, um jejum de três anos sem vitória corintiana e a volta do atacante Ronaldo ao estádio Eduardo José Farah, onde já viveu alegrias e tristezas neste ano.

Foi lá que o Fenômeno marcou seu primeiro gol com a camisa do Corinthians, em 8 de março, quando empatou nos acréscimos o jogo contra o próprio Palmeiras, pelo Campeonato Paulista. Porém, em 26 de julho, também contra o Verdão, o Fenômeno fraturou a mão esquerda durante a partida, contusão que o deixou de fora dos campos por quase dois meses.

Mas Ronaldo dividirá as atenções em campo com o atacante palmeirense Obina, que constitui outro atrativo do clássico. Na mesma partida em que Ronaldo se machucou, o Palmeiras venceu por 3 a 0, com todos os gols do ex-flamenguista. Por coincidência, o atleta também marcou três gols no último jogo, na quinta-feira (29), em vitória alviverde por 4 a 0 sobre o Goiás.

Se vencer, o Palmeiras reassume a liderança do Campeonato Brasileiro, perdida para o São Paulo pela segunda vez neste sábado (31). O Verdão ocupa a vice-liderança do torneio, com 57 pontos e um jogo a menos. O Timão, que não tem mais objetivos no torneio por estar classificado à Libertadores e longe do título, é o décimo, com 45.

Outro fator importante da partida é o jejum de vitórias corintianas contra o rival. O Timão não derrota o Palmeiras desde 25 de outubro de 2006, ou seis partidas.

Os dois times têm baixas. O ataque deve ser o ponto forte do Palmeiras. Além de Obina, o técnico Muricy Ramalho conta com o retorno de Vagner Love. Em contrapartida, o meio-campo está extremamente desfalcado. Junto com Pierre e Cleiton Xavier, não jogam os volantes Sandro Silva [suspenso] e Edmilson [contundido].

No Corinthians, as ausências se concentraram nas laterais. Alessandro fraturou a face na partida contra o Vitória. Já o canhoto Marcelo Oliveira sofreu contusão muscular na coxa esquerda no mesmo jogo. Assim, Mano Menezes precisará improvisar. Provavelmente optará pelo volante Jucilei na direita e pelo paraguaio Balbuena na esquerda.

Fonte: R7, www.r7.com