Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

O Piauí começou mais presente no setor de ataque, mas logo o time azulino impôs seu ritmo de jogo.

Maior volume de jogo, ataque mais efetivo, melhor toque de bola, defesa mais compacta ? tudo isso não foi o suficiente para que o Parnahyba conseguisse uma vitória em casa diante do Piauí na tarde de sábado (23), no estádio Mão Santa, em Parnaíba. O jogo, válido pela quinta rodada do Campeonato Piauiense Chevrolet 2013, terminou em 1 a 1 - e foi marcado pela dicotomia entre a superioridade do time azulino no jogo e a falta de precisão da equipe na hora de decidir os lances.


Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

O Piauí começou mais presente no setor de ataque, mas logo o time azulino impôs seu ritmo de jogo. A primeira finalização do Tubarão veio em uma bola parada, quando Totonho cobrou falta por cima do gol de Neto, aos 11 minutos.

A partir dos 20 minutos, o Parnahyba cresceu ainda mais na partida, explorando bastante o setor direito do campo, buscando ligações com o ataque através do lateral Ivan. E foi justamente em um cruzamento do camisa 2 que o Tubarão chegou com mais perigo pela primeira vez na partida: o atacante Zé Rodrigues aproveitou a bola alçada e subiu mais que a zaga do Piauí, mas acabou cabeceando por cima do gol aos 22 minutos. O Piauí respondeu logo em seguida com Fabiano, em chute perigoso de fora da área, que saiu à esquerda do gol de Ribamar.


Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

A chance de gol mais clara do time da casa no primeiro tempo veio após um bate e rebate na área, aos 28 minutos. Luciano aproveitou a disputa pela bola e acertou uma cabeçada a queima roupa, mas a bola acabou carimbando o travessão. Sorte do Piauí, que se encontrava então perdido em campo, sem conseguir armar jogadas de velocidade.

O Parnahyba tentava aproveitar as chances de bola parada para abrir o placar, mas ironicamente quem chegou ao gol desta forma foi o rubro anil, provando a máxima de que ?quem não faz, leva?. Aos 43 minutos, o zagueiro Vítor escorou a bola para o fundo das redes do Tubarão depois de cruzamento da direita, originado em cobrança de falta. Estava aberto o placar no piscinão do Tubarão, e a torcida azulina ficou na bronca ao ver o time da casa ir para o intervalo em desvantagem no placar.


Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

Paulo Moroni optou por colocar Barata no lugar de Luciano no segundo tempo, buscando fortalecer o setor defensivo do Parnahyba. O Piauí voltou sem mudanças na equipe. O time da casa começou mostrando objetividade, e chegou ao empate logo aos cinco minutos da etapa complementar. Ivan bateu cruzado de fora da área, a bola quicou no gramado, e enganou o goleiro Neto. Tudo igual no piscinão.

Depois do empate, o Parnahyba tentou pressionar o Piauí. No entanto, o time azulino esbarrou na falta de precisão do ataque: Zé Rodrigues perdeu algumas boas oportunidades de gol. Fernando Tonet mandou Girlan para o jogo no lugar de Lucas Souza, dando mais gás ao ataque rubro anil, em busca do gol da vitória. Mas quem se aproximou mais de fazer o segundo foi mesmo o Parnahyba. Aos 47 minutos, Capela (que havia entrado no lugar de Everton Felipe) cobrou falta com precisão da entrada da área, obrigando Neto a espalmar para escanteio uma bola que tinha como alvo certo o ângulo esquerdo.


Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

O empate fora de casa deixa o Piauí mais animado para a partida da terceira rodada contra o Cori-Sabbá (que havia sido adiada e será realizada na próxima quarta feira, 27, em Floriano). Já o Parnahyba tem pela frente mais um jogo em casa, dessa vez contra o Picos, no domingo (03/03). O Piauí também joga no domingo, contra o River, no Lindolfo Monteiro.

RIVER VENCE PICOS E CORI-SABBÁ PERDE EM CASA PARA O BARRAS- Nos outros dois jogos do sábado, o River conquistou três pontos fora de casa ao vencer a Sociedade Esportiva de Picos (SEP) por 1 a 0 ? gol de William Costa. Já o Cori-Sabbá voltou a amargar uma derrota no estadual ao perder para o Barras no estádio Tibério Nunes, em Floriano, pelo placar de 3 a 2. Gols de Diego e Cafezinho para o Cori; Luiz Henrique, Dylson e Paulo Roberto marcaram para o Barras.


Parnahyba e Piauí ficam no empate no estádio Mão Santa

Fonte: Dowglas Lima