Piauiense: Parnahyba perde para o Comercial e sai da liderança

Mesmo com a derrota, o Parnahyba continua na briga pela liderança, mas cai para a 3ª posição

O Parnahyba Sport Club foi a cidade de Capitão de Campos nestes sábado (12) onde no Estádio Municipal José Resende foi derrotado por 3 a 0 pela boa equipe do Comercial de Campo Maior em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Piauiense de 2012 patrocinado pela Federação de Futebol do Piauiense.

O Parnahyba sofreu o primeiro gol aos 17 minutos ainda da primeira etapa, de uma bola parada, João Gabriel marcando para o Comercial. Na segunda etapa, o Tubarão ainda tomou mais dois gols: um de Jeferson Pipoca, aos 27 minutos e Zé Rodrigues, aos 35. Com a derrota do Tubarão e também a do 4 de Julho que perdeu em casa para o River, o certame tem novo líder, o Comercial. Parnahyba e 4 de Julhos eram os únicos invictos até o início desta rodada.

Para o embate entre Comercial e Parnahyba a Federação de Futebol do Piauí escalou o árbitro Leonardo Marques que teve como auxiliares os bandeiras 1 José Nilton e Bandeira e 2 Rogério Braga. O quarto árbitro foi Mauro César.

A briga pela liderança começa a ganhar mais um concorrente. O Comercial agora com 13 pontos ganhos se junta ao 4 de Julho e Parnahyba com pequena vantagem para o Comercial no saldo de gols.

Mesmo com a derrota, o Parnahyba continua na briga pela liderança, mas cai para a 3ª posição, já que também soma 13 pontos, mas tem dois gols a menos que o líder. O Flamengo venceu o Picos, por 3 a 1, e assumiu a quarta posição com 10 pontos.

A próxima rodada reserva o confronto entre Parnahyba e 4 de Julho, partida que poderá definir a liderança do turno e com quem ficará a Taça Rui Lima, equivalente ao Primeiro Turno do certame. O Jogo será realizado no Estádio Municipal Mão Santa (Piscinão), no dia 16 (quarta-feira). Será um jogo tira teima, vez que as duas equipes empatadas na primeira colocação, juntamente com o Comercial, todos com treze pontos ganhos em seis partidas já disputadas.

Fonte: Jornal de Parnaíba