Pato, Coutinho e Marcelo estão em alta com Mano Menezes

Pato, Coutinho e Marcelo estão em alta com Mano Menezes

O treinador da Seleção permaneceu na Europa e adotou seu lado observador e sereno

Com tantos craques em campo, os estádios Giuseppe Meazza e Santiago Bernabéu receberam visita ilustre nos últimos dias: do técnico Mano Menezes, que foi ver de perto jogadores cotados para a Seleção Brasileira - prática rara na passagem de Dunga. Após comandar o Brasil nos amistosos contra Irã e Ucrânia, o treinador permaneceu na Europa e adotou seu lado observador e sereno, com mais dedos no rosto e os braços, aqueles que não paravam de gesticular em treinos e jogos, descansados. A julgar pelas exibições de atletas de Milan, Real Madrid e Inter de Milão, ele também esboçou um sorriso.

O GLOBOESPORTE.COM preparou uma análise dos ?vestibulandos? de Mano que assistiu das tribunas de ambos os estádios a três partidas envolvendo ex, atuais e possíveis convocáveis para a Seleção: Milan 3 x 1 Chievo, no último sábado, dia 16; Real Madrid 2 x 0 Milan, na terça, dia 19; e Inter de Milão 4 x 3 Tottenham, na quarta, dia 20. Curiosamente, três jovens foram os que melhor aproveitaram a presença do treinador na plateia: Alexandre Pato (21 anos), Marcelo (22) e Philippe Coutinho (18). O goleiro Gomes, expulso logo aos sete minutos de jogo, foi o destaque negativo. Alvo de interesse pelas últimas boas atuações, Ronaldinho começou bem e terminou mal: deu um drible mágico na partida com o Chievo, mas sumiu contra o Real.

Pato teve duas chances, é verdade, mas foi tão bem na primeira que só ratificou a sua boa fase. Além dos dois gols contra o Chievo, também havia marcado nos três amistosos da Seleção - ele é o artilheiro da Era Mano Menezes, com três gols.

Marcelo não fez o dele, mas foi um dos destaques da importante vitória do Real Madrid sobre o Milan. Não à toa acabou eleito como o segundo melhor em campo pelo site oficial do clube, somente atrás de Cristiano Ronaldo. Em visita ao CT Valdebebas (do Real Madrid) na manhã de terça, antes do clássico europeu, Mano já havia conversado com José Mourinho sobre o lateral-esquerdo, que se envolveu em pequena polêmica ao se machucar no treino dos merengues no dia em que deveria se apresentar à Seleção.

? Para não ficar restrito a versões, quis ouvir todas as partes, e o Mourinho confirmou o que aconteceu com o Marcelo, além de falar muito bem do jogador ? disse ao site da CBF Mano Menezes, que também conheceu o CT de Milanello, onde pôde conversar também com Robinho e Thiago Silva.

Nesta quinta, o treinador da Seleção fechará o seu ciclo no CT do Inter de Milão, onde irão treinar Julio César, Maicon, Lucio e, principalmente, Philippe Coutinho, em alta por conta de possivelmente sua melhor atuação com a camisa nerazzurri.

? Com esses jogadores, a conversa se torna ainda mais importante, pois evita que cheguem a eles informações que não correspondem à verdade e interpretações equivocadas. A conversa visa a mostrar o que está sendo feito, passar para todos o início do trabalho e o acompanhamento direto do trabalho deles nos clubes ? justificou.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com