Perto do adeus, Pet treina forte e reencontra torcida do Fla

Sérvio foi o mais assediado pelos rubro-negros depois da atividade no Recreio

Petkovic ao alcance das mãos. Há tempos o torcedor do Flamengo não tinha contato direto com o ídolo. Em sua última semana como jogador de futebol profissional, o sérvio trabalhou com o grupo rubro-negro na praia do Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade, na manhã desta quarta-feira. Antes da atividade, Pet conversou com os preparadores Antônio Mello e Diogo Linhares. Em seguida, participou de todos os exercícios físicos e demonstrou esforço para estar em condições de enfrentar o Corinthians, domingo, no Engenhão, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

O camisa 43 foi o mais assediado após o treinamento. Superou até Ronaldinho, que deixou a areia cercado por quatro seguranças. Pet foi cercado por fãs. O jogador mostrou-se atencioso, posou para fotos e distribuiu autógrafos. Afastado do grupo desde janeiro, ele vinha treinando na Gávea, mas com contato restrito com o público.

Foi um trabalho desgastante, de aproximadamente duas horas. Como de hábito, a presença dos jogadores atraiu torcedores e curiosos. O meia Thiago Neves não participou. Ele foi liberado para se apresentar ao técnico Mano Menezes em Goiânia. No sábado, a Seleção Brasileira enfrenta a Holanda. Depois, dia 7, a Romênia, em São Paulo. Pet pode ser o substituto do camisa 7 contra o Timão.

Ronaldinho Gaúcho, que na véspera realizara apenas exercícios na academia do CT, trabalhou a maior parte do tempo ao lado do goleiro Felipe. Os laterais Léo Moura e Junior Cesar também treinaram normalmente. Léo está recuperado das dores no joelho direito e deve voltar no fim de semana. Contra os paulistas, é bem provável que Junior Cesar seja titular em sua estreia.

Da praia, os jogadores foram almoçar e descansar no Ninho do Urubu. O grupo volta a trabalhar à tarde, no CT.



Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com