Piauiense recebe prêmio de melhor atleta nos Jogos Escolares da Juventude

Fã da judoca Sarah Menezes, sua conterrânea, e do jogador de badminton chinês Lin Dan, Fabrício conta também no currículo vitórias

A Coca-Cola Brasil patrocinou nesta terça-feira, dia 16, a entrega do prêmio aos Melhores Atletas dos Jogos Escolares da Juventude no Prêmio Brasil Olímpico 2014, evento realizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Como patrocinadora máster da maior competição estudantil do país, a companhia entregou para o atleta Fabrício Farias, do Piauí, a premiação de melhor atleta masculino da etapa de Londrina, para jovens dos 12 aos 14 anos. Com 14 anos e 1m75 de altura, Fabrício conquistou este ano nos Jogos Escolares da Juventude as medalhas de ouro no badminton na dupla mista e na dupla masculina e a prata no simples, em uma partida muito disputada contra o carioca Jonathan Matias.

Fã da judoca Sarah Menezes, sua conterrânea, e do jogador de badminton chinês Lin Dan, Fabrício conta também no currículo vitórias nos campeonatos Pan-Americano, Sul-Americano e nacionais. A premiação de Melhor Atleta dos Jogos Escolares da Juventude vem coroar um ano de conquistas.

O jovem é estudante do Colégio Sinopse. "Sinto que fui contemplado porque fiz por merecer. Luto a cada dia para conseguir meus objetivos e me sinto muito honrado em ter tido essa oportunidade de reconhecimento. É muito legal ser premiado por uma marca como a Coca-Cola, que tantas pessoas admiram. Fiquei um pouco nervoso no Prêmio Brasil Olímpico por estar tão perto de grandes nomes do esporte e poder conhecê-los pessoalmente. Foi a realização de um sonho!", comemora.

Em 2013, uma das vencedoras da premiação de Melhor Atleta dos Jogos Escolares da Juventude foi Sâmia Lima, conterrânea e companheira de Fabrício na equipe, mostrando a força do Piauí no badminton. "Treinamos na mesma equipe e competimos juntos nas disputas de duplas mistas. Fomos campeões no último final de semana (13 e 14 de dezembro), no Sul Americano, em São Paulo.

O Piauí foi representado em todas as competições desse ano e ficamos invictos, sempre com mais medalhas de ouro do que os outros estados. Considero que, atualmente, o Piauí é o estado que tem a melhor equipe de badminton do Brasil", afirma. Fabricio participou de sua primeira edição dos Jogos Escolares da Juventude em 2012, em Poços de Caldas, aos 12 anos. "Participar desse evento é muito gratificante. Posso representar o meu estado, minha escola e conhecer muitos atletas de outras modalidades. A organização é muito boa, todos nos recebem bem e está tudo sempre no horário. Mudou a minha vida", completa.

O jovem começou no badminton por influência dos irmãos, que já praticavam o esporte. Os primeiros passos foram dados no quintal de casa, mas Fabrício conheceu a técnica dos irmãos, Norma Rodrigues, e com uma semana de treino já estava viajando para competições. "No começo foi difícil, pois não tinha como comprar material e o local em que treinava não era adequado. Hoje em dia treino pela manhã e saio correndo para a escola. Continuo fazendo isso porque amo o esporte e, independente das dificuldades, quero ir cada vez mais longe. Quero evoluir no badminton e realizar todos os meus sonhos e objetivos no esporte", finaliza.



Fonte: Assessoria