Por atos de indisciplina, Jorge Henrique é afastado no Corinthians

Segundo Duílio, a decisão foi tomada pela diretoria e pelo técnico Tite.

O atacante Jorge Henrique está afastado do grupo de jogadores do Corinthians. A notícia foi dada por Duílio Monteiro Alves, diretor adjunto de futebol do clube, que preferiu não entrar em detalhes sobre o problema que fez essa decisão ser tomada.

"É uma questão que vamos tratar internamente. Ele vai continuar treinando, mas separado dos demais jogadores. Nossa prioridade é o grupo neste momento", afirmou o dirigente, sem definir um tempo para o afastamento e se há possibilidade de reversão da punição.

Segundo Duílio, a decisão foi tomada pela diretoria e pelo técnico Tite. A situação será revista após o término do Campeonato Paulista, cuja final começará no próximo domingo. Na quarta seguinte, o Corinthians enfrenta o Boca Juniors, pela volta das oitavas de final da Copa Libertadores da América. No outro domingo, o time paulistano brigará com o Santos pelo título na Vila Belmiro.

Jorge Henrique não treinou com os demais atletas no último sábado, antes da semifinal do Estadual contra o São Paulo, dizendo estar com problemas familiares. Ele acabou sendo cortado da lista de atletas para o confronto com o time tricolor.

Duílio chegou a dizer que o ato de indisciplina ocorreu na terça, negando relação com a ausência na atividade do fim de semana. Depois, explicou que na verdade a decisão é que foi tomada "entre terça e quarta-feira" e comunicada nesta quinta ao atleta.

"Ele entendeu. Lógico que não gosta, mas entendeu a posição", afirmou o diretor, que negou algumas das hipóteses formuladas para o motivo do afastamento. Segundo ele, a razão não foi insatisfação com a condição de reserva ou qualquer tipo de agressão física.

Fonte: Terra