Santos segura empate  de 0 a 0 contra a Portuguesa no Canindé

Santos segura empate de 0 a 0 contra a Portuguesa no Canindé

O time de Neymar está na zona de rebaixamento, com cinco pontos. Já a Portuguesa mantém o 12º lugar, com oito.

A Portuguesa não se inibiu diante de Paulo Henrique Ganso, e Neymar partiu para o ataque contra o Santos, na tarde deste domingo, no Canindé, em São Paulo, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o time não conquistou o resultado merecido. O adversário segurou o empate por 0 a 0, e assim ampliou o jejum de vitórias na competição.

A crise do setor ofensivo do Santos também aumentou ao fim da partida. Na sequência de oito jogos sem vitórias, com cinco empates, e três derrotas, o time marcou apenas quatro gols. Não à toa, a equipe comandada por Muricy Ramalho está na zona de rebaixamento do Brasileiro, com cinco pontos. Já a Portuguesa mantém o 12º lugar, com oito.

O Santos foi massacrado no primeiro tempo, e viu o placar sem gols valer como uma goleada. A equipe mandante disparou 12 finalizações no total, sendo uma no travessão, enquanto o time santista só realizou quatro arremates.

Nem mesmo as jogadas individuais de Neymar surtiram o efeito esperado. O camisa 11 foi bem marcado, e chegou a acertar o braço no rosto do zagueiro Lima em uma tentativa de drible, sofrendo pressão dos jogadores da Portuguesa para que fosse expulso ¿ o árbitro Flávio Guerra aplicou cartão amarelo no santista.

A Portuguesa abusou das jogadas pelas pontas do campo no primeiro tempo, e por conta disso, Muricy Ramalho agiu no intervalo, e sacou os dois laterais da equipe, o estreante Douglas, recém-promovido das categorias de base, e Léo. Elano e Juan foram colocados em campo, respectivamente, sendo que o volante Henrique assumiu a função de lateral direito.

Ainda sem reação do Santos no segundo tempo, sobrou até para Paulo Henrique Ganso. O meia, nitidamente cansado, foi substituído por Gerson Magrão aos 15 minutos. Outra alteração que não serviu para mudar o panorama do jogo. Sem ímpeto ofensivo das duas partes nos minutos finais, o resultado sem gols persistiu de forma injusta para a Portuguesa.

Ficha técnica

PORTUGUESA 0 X 0 SANTOS

PORTUGUESA: Dida; Rogério, Gustavo e Lima; Moisés, Guilherme, Léo Silva, Boquita e Ivan; Ananias (Rodriguinho) e Diego Viana (Henrique)

Treinador: Geninho

SANTOS: Rafael; Wesley Douglas, Edu Dracena, Durval e Léo; Adriano, Henrique, Arouca e Paulo Henrique Ganso (Gérson Magrão); Neymar e Borges

Treinador: Muricy Ramalho

Cartões amarelos

PORTUGUESA: Rogério, Diego Viana, Gustavo e Léo Silva

SANTOS: Durval e Neymar

Árbitro

Raphael Claus (SP)

Local

Estádio do Canindé, em São Paulo (SP)

Fonte: Terra