Preocupados com o vírus Zika, tenistas desistem da Rio 2016

Atletas anunciaram a decisão nesta sexta-feira (15)

Os torneios de tênis dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro terão baixas por causa do vírus Zika. Nesta sexta-feira (15), Milos Raonic, atual vice-campeão de Wimbledon e número 7 da ATP, e a romena Simona Halep, 5ª na lista da WTA, comunicaram que estão fora dos respectivos eventos.

"É com o coração pesado que anuncio que estou desistindo de minha participação. Depois de muita deliberação com minha família e meus treinadores, tomei a decisão por uma variedade de preocupações relacionadas à minha saúde, incluindo a incerteza em torno do vírus Zika. Foi um escolha pessoal e difícil e que espero que não impacte na decisão de outros atletas que estão indo para os Jogos", afirmou o canadense em sua página no Facebook.

Também por meio da rede social, Halep fez um comunicado semelhante ao do canadense.

"Eu sinto muito em anunciar que eu decidi não competir na Rio 2016. A razão da minha decisão são os perigos relacionados ao Zika vírus. Depois de várias conversas com médicos e familiares, concluí que os riscos são muito altos para a minha carreira e para minha saúde, especialmente sendo mulher. Família é algo muito importante para mim e não posso arriscar não ser capaz de ter um filho depois de encerrar minha carreira no tênis", afirmou.

Eles se juntam a outros tenistas que decidiram abrir mão de participar do torneio pelas mais variadas razões. Entre eles estão o norte-americano John Isner, os australianos Nick Kyrgios e Bernard Tomic, o austríaco Dominic Thiem, o espanhol Feliciano López, a italiana Francesca Schiavone, a bielorrussa Victoria Azarenka e a russa Maria Sharapova - esta última, suspensa por doping.


Halep e Raonic desistiram de participar da Rio 2016 (Crédito: Reprodução)
Halep e Raonic desistiram de participar da Rio 2016 (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações da Espn