Rei Roberto Carlos esbanja simpatia ao lado de Ronaldo em festa do centenário do Corinthians

Rei Roberto Carlos esbanja simpatia ao lado de Ronaldo em festa do centenário do Corinthians

O ponto alto foi numa das últimas músicas, "Amigo", quando ele cantou o refrão da paródia

Além do show propriamente dito, o Rei Roberto Carlos esbanjou simpatia no espetáculo de quase 1h30m que fez parte das comemorações do centenário do Corinthians, nesta segunda-feira, no Auditório Elis Regina, no Anhembi. O ponto alto foi numa das últimas músicas, "Amigo", quando ele cantou o refrão da paródia criada pela torcida: "Não para, não para, não para..." Neste momento, os convidados presentes foram para a frente do palco cantando sem parar com Roberto Carlos.

O Rei cantou esta música logo depois de receber de presente uma camisa do Corinthians, entregue pelo presidente do clube, Andres Sanches, que subiu ao palco acompanhado dos jogadores Ronaldo, Elias, Dentinho e o lateral-esquerdo xará do cantor e compositor. Depois cantou mais duas músicas antes de encerrar o espetáculo.

- É uma honra e me sinto um privilegiado de participar do centenário do Corinthians, pelo respeito ao time e à torcida. Falar da torcida do Corinthians é falar de amor - disse Roberto Carlos durante o show.

A apresentação começou às 23h06m, após abertura feita por Paula Fernandes, que entre outras músicas cantou o hino do clube. Antes de Roberto Carlos começar o seu show, Andres Sanches fez um pronunciamento aos presentes. Entre os convidados ao evento estavam o presidente da Federação Paulista de Futebol, Marco Polo del Nero; o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que não ficou até o fim do show, e o técnico da Seleção Brasileira, Mano Menezes. Ex-jogadores corintianos, como Biro Biro e Basílio, também marcaram presença.



Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com