Reservas do São Paulo vencem titulares do Botafogo no Rio

Tricolor conquistou a primeira vitória fora de casa em 2016

O time reserva do São Paulo derrotou o Botafogo, neste domingo, por 1 a 0, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Os visitantes jogaram com mais inteligência e conquistaram a vantagem no placar com belo gol de falta de Lucas Fernandes no primeiro tempo. Já o Glorioso mostrou muitas limitações técnicas e começou mal no Campeonato Brasileiro.

O Alvinegro teve chances de empatar, mas novamente pecou nas finalizações. Do outro lado, o Tricolor não foi brilhante, mas mostrou eficiência para conquistar os primeiros três pontos fora de casa neste ano. A equipe não venceu nenhuma vez fora no Paulistão e na Libertadores.

O Botafogo começou melhor, tomando para si a responsabilidade de buscar o jogo e atacar. O São Paulo, por sua vez, cometia muitos erros no início e não conseguia se organizar. Entretanto, o domínio alvinegro não deu resultado. O Tricolor abriu o placar em bela cobrança de falta de Lucas Fernandes. Helton Leite se esticou e tentou chegar, mas não foi capaz de mudar a trajetória da bola.

Reservas do São Paulo vencem titulares do Botafogo no Rio (Crédito: Reprodução)
Reservas do São Paulo vencem titulares do Botafogo no Rio (Crédito: Reprodução)


Após ficar em vantagem, a equipe visitante melhorou. O Glorioso teve algumas oportunidades, principalmente com Ribamar, mas não aproveitou. Os jogadores alvinegros reclamaram de alguns lances com a arbitragem, enquanto o São Paulo foi para o intervalo com a vantagem de 1 a 0.

O segundo tempo começou morno. O Botafogo tentava pressionar com Sassá no lugar de Neilton, mas não tinha eficiência. Confortável com a vantagem, o São Paulo administrava a partida e esperava por novos erros do adversário.

O time alvinegro foi para o abafa com a entrada de Anderson Aquino. A torcida do Glorioso foi à loucura com algumas chances desperdiçadas e viu o São Paulo chegar com perigo em contra-ataques finalizado por Centurión.

Sem força para empatar, o Botafogo incomodou pouco nos minutos finais. O São Paulo chegou a fazer o segundo gol, com Centurión, mas o lance foi anulado (erradamente) pela arbitragem. O tento não fez falta, já que dois minutos depois o árbitro encerrou a partida.

Fonte: Terra