River e Sampaio Corrêa ficam no 0 a 0 em amistoso

River e Sampaio Corrêa ficam no 0 a 0 em amistoso

River e Sampaio Corrêa empataram sem gols no primeiro de dois amistosos programados entre os times para esta semana

Os poucos torcedores que foram ao estádio Albertão na tarde deste domingo viram dois campeões estaduais mostrarem uma equivalência de forças. River e Sampaio Corrêa empataram sem gols no primeiro de dois amistosos programados entre os times para esta semana.

As duas equipes começaram se estudando, sem arriscar muito nos momentos iniciais. A primeira chance veio aos 12 minutos, do lado do Sampaio. O zagueiro Paulo Sérgio aproveitou cruzamento da esquerda e cabeceou forte no centro do gol. César Luz, no entanto, fez a defesa e afastou o perigo. O arqueiro riverino ainda faria outra defesa instantes depois em outra cabeçada - desta vez de William Paulista.

Em meio às investidas da equipe maranhense, o River também tentava chegar. E Fabiano quase ficou na cara do gol quando foi servido por Esquerdinha na área, mas a zaga sampaína estava ligada. Faltava ao River o último passe.

Com mais posse de bola, o Sampaio seguia melhor. Júlio Araújo orientava para que seus comandados adiantassem a marcação, buscando uma oportunidade em um eventual erro da saída de bola dos riverinos. E foi dessa forma que Eloir arriscou de longe aos 22, sem perigo.

Usando o contra ataque, o River teve uma de suas melhores chances em jogada de Bruno Chocolate pela direita. O camisa 8 viu Esquerdinha na área e cruzou. Esquerdinha bateu de chapa visando o canto direito, mas a zaga chegou para afastar a bola que tinha endereço certo.

César Luz mostrou que estava mesmo em uma tarde inspirada e voltou a salvar o Galo quando Márcio Diogo invadiu a área e bateu, obrigando o goleiro riverino a espalmar.

No intervalo, Josué Teixeira optou por reformular todo o setor defensivo do time do River - começando pelo gol. César Luz deu lugar a Felipe, enquanto os zagueiros Bruno Lopes e Gabriel foram substituídos por Cleber Carioca e Rafael Araújo, respectivamente. Nas laterais, Kássio e Amarildo saíram para as entradas de Arilson e Sinderval. No meio, Vitor Recife deu lugar a Alessandro e Rayllan entrou na vaga de Bruno Chocolate.

As mudanças foram ainda mais abrangentes no intervalo do Sampaio, já que apenas Waldir voltou a campo como remanescente do time da primeira etapa. O River ainda testaria Junior Chicão e Tadeu (Marabá e Esquerdinha saíram). No Sampaio, o próprio Waldir sairia em seguida para a entrada de Vinícius Casão.

O jogo teve uma queda de ritmo no segundo tempo e poucos lances de perigo ocorreram. Já com Rhuann no lugar de Fabiano, o River esteve perto de abrir o placar aos 34, quando Cléber Carioca cabeceou por cima do gol após bola alçada na área em cobrança de falta.

Tadeu ainda tentou marcar pelo River, enquanto Luís Otávio chegou com perigo no fim cabeceando na área, mas Robson defendeu. Agora, os dois times voltam a se enfrentar na quinta-feira (10), às 20h15, no estádio Castelão, em São Luís-MA.





Fonte: Dowglas Lima