River vence por 2 a 1 e assume a liderança isolada do Grupo A2 na série D

River vence por 2 a 1 e assume a liderança isolada do Grupo A2 na série D

Com o estádio Albertão tomado por quase 2800 torcedores, o Galo parecia disposto a acabar com o retrospecto insatisfatório em Teresina neste domingo (24/08) e conseguiu, bateu o Interporto por 2 a 1

Após decepcionar com três empates consecutivos o River finalmente reencontrou o caminho da vitória e o melhor, em casa. Com o estádio Albertão tomado por quase 2800 torcedores, o Galo parecia disposto a acabar com o retrospecto insatisfatório em Teresina neste domingo (24/08) e conseguiu, bateu o Interporto por 2 a 1, em jogo válido pela sexta rodada do Brasileirão série D. O resultado, porém, não veio de modo simples, a equipe de Tocantins parecia disposta a estragar a festa do tricolor, contudo, um ídolo voltou a brilhar, entrando em campo no segundo tempo, Thiago Marabá definiu logo no seu primeiro lance, levando os riverinos à loucura, sacramentando o amor que nutre pelo time, alçando-o para a liderança do Grupo A2 com 9 pontos.

No primeiro tempo a posse de bola foi o grande trunfo dos piauienses, com um sistema defensivo bem arquitetado sufocava o Interporto, ao mesmo tempo que criava jogadas e chegava com perigo. Entretanto, novamente não possuíam a efetividade necessária para concluir as finalizações, arrastando a situação até os 30 minutos, quando Thiago Dias cobrou falta e lançou a bola para Eduardo que marcou de cabeça, sem chances para o goleiro Everton. No decorrer da etapa inicial, o River teve outras oportunidades, primordialmente pelo lado direito e explorando os erros dos zagueiros adversários, contudo enfrentava dificuldades em quebrar a barreira formada pela equipe de Tocantins, que se mantinha recuada.

O nervosismo tomava conta de ambos os times e nos 45 minutos finais a desorganização predominava. Com passes distribuídos erroneamente e faltas constantes, pouco se criava e o tempo passava sem qualquer chance clara, até que após uma bobeada da defesa piauiense, Éder ficou frente a frente com o goleiro Felipe Sanchez, que sem opções aplicou uma falta dentro da grande área, sendo, portanto, configurada como uma penalidade, Lourival cobrou no canto e empatou para os visitantes. Percebendo a evolução e a confiança do Interporto, o técnico Flávio Barros resolveu colocar Thiago Marabá no campo, a modificação surtiu efeito e aos 27 minutos, um após sua entrada, o camisa 18 do tricolor ampliou e garantiu os três pontos. “A torcida tem esse carinho por mim e eu fico muito feliz em poder retribuir com um gol”, afirma o jogador.

Nos instantes finais, os tocantinenses tentaram reagir, mas já era tarde. O River agora se isola na liderança e o Interporto mantém a lanterna do grupo com dois pontos. “É uma vitória importante , sabemos das dificuldades da partida, contudo o melhor é que cumprimos o nosso objetivo de vencer em casa e assumir a liderança. Obviamente temos pontos para corrigir e faremos isso durante a semana, continuamos sempre acreditando na classificação”, garante o técnico Flávio Barros. O segundo lugar está momentaneamente nas mãos do Remo, que derrotou o Guarany de Sobral por 4 a 2. Agora, o Galo fará dois jogos fora de casa, sendo que o próximo ocorre no domingo (31/08) no Castelão, onde enfrenta o Moto Club.

Fotos: Victor Gabriel








Fonte: Francy Teixeira