Robinho é preso acusado de abusar sexualmente de uma jovem no Reino Unido

À polícia, Robinho, 25, negou as acusações, afirmou seu porta-voz Chris Nathaniel.

O craque da seleção brasileira Robson de Souza, o Robinho, foi preso nesta terça-feira (27) em uma investigação sobre crimes sexuais no Reino Unido. Ele foi acusado de abusar sexualmente de uma jovem em uma boate de Leeds (norte), há pouco mais de uma semana.

De acordo com a rede de TV BBC, o jogador foi levado para prestar esclarecimentos à polícia e foi liberado após o pagamento de fiança. À polícia, Robinho, 25, negou as acusações, afirmou seu porta-voz Chris Nathaniel.

"Ele nega veementemente todas as acusações e disse que está feliz em poder cooperar com a polícia quando for solicitado", disse o Nathaniel ao tabloide "The Sun". A polícia de West Yorkshire (condado do qual faz parte a cidade de Leeds) confirmou que um homem foi detido ontem por ligação com o crime na casa noturna, em 14 de janeiro.

O Manchester City, clube pelo qual Robinho joga no país, ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Segundo o jornal "The Times, que também noticiou o caso, a polícia planejava deter Robinho durante o período de treinamentos do Manchester City neste mês, mas foram surpreendidos com a viagem inexplicada do jogador ao Brasil.

O caso gerou uma multa de 200 mil libras (cerca de R$ 644 mil) ao craque e a suspeita de que ele poderia deixar o clube. Ele deve voltar a jogar pelo clube nesta quarta-feira.

Em setembro do ano passado, o ex-santista se transferiu do Real Madrid (Espanha) para o Manchester City após uma transação R$ 100,73 milhões --que faz dele o jogador com o passe mais caro do Reino Unido.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com