Santos e Coritiba empatam jogo truncado e com Leandro Damião sacado

Santos e Coritiba empatam jogo truncado e com Leandro Damião sacado

Agora Santos e Coritiba têm dois pontos cada na Série A

Depois de empatarem em seus jogos de estreia, Santos e Coritiba voltaram a decepcionar, neste sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Em um jogo feio, os times empataram por 1 a 1 no Estádio Couto Pereira. O principal destaque da partida foi negativo: Leandro Damião teve outra péssima atuação no primeiro tempo e foi sacado no intervalo, algo que Oswaldo de Oliveira ainda não tinha feito. A torcida santista tem perdido a paciência com o jogador, que chegou recentemente ao time.

Agora Santos e Coritiba têm dois pontos cada na Série A, sem vitórias nem derrotas. Ambos terão desafios complicados pela frente na próxima rodada: o time paranaense viajará para enfrentar o São Paulo no Morumbi, enquanto o Santos receberá o Grêmio na Vila Belmiro.

O Coritiba começou o jogo com péssimos momentos para seus atacantes. Primeiro Julio Cesar se machucou e saiu de campo chorando. Depois, Zé Love perdeu uma chance de forma bizarra - com o gol aberto à sua frente, ele escorregou e chutou a bola no próprio pé, mandando ela pra fora.

Depois disso o Santos até teve uma chance de com Gabriel, mas foi o Coritiba que mandou no jogo. Na maioria dos lances Aranha conseguiu fazer boas defesas, mas espalmou para frente e cedeu rebotes perigosos. Também houve um lance em que Jajá, substituto de Julio César, acertou a trave em cheio.

No final do primeiro tempo, porém, o Santos diminuiu o ritmo da partida e conseguiu equilibrar o domínio do jogo. O time paulista até teve mais posse de bola, mas não conseguiu encaixar o ataque, que tinha Leandro Damião em mais uma má atuação e os meio-campistas muito afastados da área.

Oswaldo de Oliveira tentou corrigir esse problema com a entrada de Geuvânio no segundo tempo. Pouco funcionou, porque o jogo ficou até feio, com muitos erros dos times em lances simples. Nas raras chegadas ao ataque, os jogadores do Coritiba chutaram a bola para longe, com Robinho, Chico e até Geraldo, que tentou fazer um golaço de voleio.

Já o Santos só conseguiu fazer uma jogada bem trabalhada aos 35min, quando Cícero acertou passe para Gabriel, que chutou forte, mas Vanderlei defendeu. O lance talvez tenha inspirado o ex-santista Zé Love, que quase marcou um golaço de bicicleta aos 39min.

Fonte: Terra Magazine