São Paulo atinge pior sequência de jogos em 12 anos

São Paulo atinge pior sequência de jogos em 12 anos

Em 2010, o aproveitamento da equipe do Morumbi desde a volta do Brasileiro é pífio

A derrota para o Internacional (1 a 0, no Beira-Rio) não só afastou o São Paulo da final da Copa Libertadores da América deste ano, como também impôs mais uma marca negativa. Sem vitórias há cinco jogos, os comandados de Ricardo Gomes atingiram a pior sequência do clube nos últimos 12 anos. Mais negativa apenas as cinco derrotas consecutivas do São Paulo de Mário Sérgio na reta final do Campeonato Brasileiro de 1998.

Na ocasião, o time tricolor perdeu para San Lorenzo (3 a 2), Coritiba, Grêmio, Corinthians e Juventude (todas por 2 a 1) e quase terminou o torneio rebaixado. Uma vitória sobre o Atlético-PR, na última rodada, livrou o São Paulo da Série B do Nacional.

Em 2010, o aproveitamento da equipe do Morumbi desde a volta do Brasileiro é pífio: 6,66%, o que significa um ponto em 15 disputados. Em cinco jogos, o São Paulo não conquistou vitórias, empatou uma única vez (contra o Grêmio Prudente) e perdeu outras quatro (Avaí, Vitória, Santos e Internacional).

Nestes 12 anos, o São Paulo raramente ficou cinco jogos sem vencer - apenas três vezes. Em 2001, empates com Talleres-ARG e Grêmio e derrotas para Sport, Santos e Palmeiras deram a Nelsinho Baptista o aproveitamento de 13,3% (dois pontos em 15 disputados).

Na ocasião, o jejum chegou a sete jogos, graças a empate com o Fluminense e derrota para o Vélez Sarsfield-ARG. Com isso, o aproveitamento sobe para 14,2%.

Oswaldo de Oliveira e Emerson Leão também sofreram sequência similar a de Ricardo Gomes, mas conquistaram mais pontos. Em 2002, o São Paulo ficou cinco jogos sem vencer e conquistou apenas três pontos (20%) contra Bahia, Atlético-PR, Atlético-MG, Corinthians e Palmeiras.

Na época, o elenco tinha nomes como Kaká, Ricardinho, Luís Fabiano e o próprio Rogério Ceni, mas foi eliminado no mata-mata diante do Santos.

Dois anos depois, o São Paulo de Leão atingiu 26,6% de aproveitamento (quatro pontos em 15) ao empatar com Cruzeiro, São Caetano (duas vezes) e Corinthians e perder para o Grêmio. No fim, o time acabou em terceiro no Brasileiro, garantindo vaga na Libertadores de 2005, na qual seria campeão.

Confira as piores sequências do São Paulo nos últimos 12 anos:

2010: São Paulo (Ricardo Gomes) - 5 jogos (1 empate e 4 derrotas) - 6,66%

São Paulo 1 x 2 Avaí

Vitória 3 x 2 São Paulo

São Paulo 1 x 1 Prudente

Santos 1 x 0 São Paulo

Internacional 1 x 0 São Paulo

2001 - São Paulo (Nelsinho Baptista) - 5 jogos (2 empates e 3 derrotas) - 13,3%

São Paulo 0 x 0 Talleres

Sport 1 x 0 São Paulo

Santos 1 x 0 São Paulo

São Paulo 0 x 1 Palmeiras

São Paulo 1 x 1 Grêmio

2002 - São Paulo (Oswaldo de Oliveira) - 5 jogos (3 empates e 2 derrotas) - 20%

Bahia 2 x 0 São Paulo

Atlético-PR 1 x 1 São Paulo

São Paulo 1 x 2 Atlético-MG

São Paulo 2 x 2 Corinthians

Palmeiras 1 x 1 São Paulo

2004 - São Paulo (Emerson Leão) - 5 jogos (4 empates e 1 derrota) - 26,6%

São Paulo 0 x 0 Cruzeiro

São Caetano 1 x 1 São Paulo

São Paulo 0 x 0 Corinthians

São Paulo 1 x 1 São Caetano

Grêmio 2 x 1 São Paulo

Fonte: Terra