São Paulo supera dois gols contra e vence Corinthians com golaço de Ganso; veja

São Paulo supera dois gols contra e vence Corinthians com golaço de Ganso; veja

O resultado faz o Corinthians marcar passo na briga por uma vaga na próxima fase do Campeonato Paulista.

Antônio Carlos bem que tentou, mas não conseguiu evitar a vitória do São Paulo no Pacaembu. Você não leu errado. Em uma tarde infeliz, o zagueiro marcou dois gols contra, mas foi ajudado pelos companheiros e viu o time tricolor fazer 3 a 2 no Corinthians, com direito a um golaço de Paulo Henrique Ganso.

O resultado faz o Corinthians marcar passo na briga por uma vaga na próxima fase do Campeonato Paulista. No último sábado, o Ituano havia tropeçado, e poderia ser ultrapassado na vice-liderança do Grupo B. Com a derrota, os comandados de Mano Menezes ficam dois pontos atrás da equipe interiorana, a duas rodadas do fim da primeira fase.

Para o São Paulo, o que vale é a rivalidade. Líder do Grupo A, o time de Muricy Ramalho já estava classificado para o mata-mata, mas queria atrapalhar o clube do Parque São Jorge. Nas próximas rodadas, pode fazer ainda mais, já que enfrenta Ituano e Botafogo-SP, justamente os rivais do Corinthians na disputa por uma vaga.

De quebra, o são-paulino pode comemorar o fim do jejum em clássicos. A última vitória tricolor contra um dos três grandes rivais estaduais havia sido no fim de 2012, contra o mesmo Corinthians. Os três pontos, porém, foram suados.

O jogo começou com a empolgação que se esperava dele. Em dez minutos, Osvaldo foi para cima de Fagner, Romarinho apostou corrida contra a defesa do São Paulo e Guilherme e Ganso também mostraram alguma habilidade.

O primeiro lance foi do Corinthians, em uma cabeçada de Renato Augusto que deixou Rogério sentindo dores no braço direito. Na jogada seguinte, aos 9 minutos, um escanteio da direita parou nos pés de Luciano, que bateu cruzado e contou com uma enorme ajuda de Antônio Carlos. Na pequena área, o zagueiro tentou afastar, deu uma pixotada e colocou a bola no gol de Rogério Ceni.

O bom início com gol animou a torcida corintiana, que pediu mais. Ledo engano. O São Paulo reagiu da melhor maneira possível ao placar adverso, parou de fazer bobagens na defesa e se lançou ao ataque.


São Paulo supera dois gols contra e vence o Corinthians com golaço de Ganso

São Paulo supera dois gols contra e vence o Corinthians com golaço de Ganso

O comandante da mudança foi Paulo Henrique Ganso. Com enorme habilidade e visão de jogo, o 10 são-paulino resolveu todos lances que passaram por ele. Dribles curtos, calcanhar, corta-luz e passes de primeira foram o arsenal do meia, que parava na ineficiência de Osvaldo e Pabón.

O Corinthians, sem reação, passou o primeiro tempo todo atrás, sem conseguir manter a bola nos pés. O time de Mano Menezes, ao menos, conseguia se defender com qualidade, usando bem os sete homens do seu sistema defensivo para evitar a chegada do São Paulo à área.

"Se não dá para entrar, que se resolva de longe", deve ter pensado Ganso. Aos 38 minutos, ele dominou na entrada da área e, sem pegar distância, bateu firme e colocado, no ângulo esquerdo de Cássio, que nada pôde fazer.

O resultado deu justiça ao jogo e desânimo à torcida do Corinthians. Com o time sem reação em campo, a diversão do público foi tirar sarro de Rogério. A cada cobrança de tiro de meta, como se costuma fazer em estádios mexicanos, subia o coro de "Ôôôô", que virava "bic..." quando o goleiro batia na bola.

Para não deixar o torcedor feliz apenas com o grito, o Corinthians mudou no intervalo. Paolo Guerrero entrou na vaga de Renato Augusto. De cara, não funcionou. Aos 5 minutos, Douglas fez linda jogada pela direita e entregou para Pabón. O colombiano cruzou rasteiro e encontrou Luis Fabiano, que bateu de primeira para o gol de Cássio.

Foi a vez do Corinthians reagir bem à desvantagem. Guerrero teve duas chances e desperdiçou, mas foi ajudado na terceira. Aos 14 minutos, o peruano recebeu pela esquerda e cruzou para a área do São Paulo. Antônio Carlos, em tarde infeliz, tentou cortar e mandou de novo contra a própria rede.

Daí em diante, o jogo se equilibrou. O Corinthians tentava na base do abafa, enquanto o São Paulo explorava as costas dos laterais rivais. Melhor sorte teve o lado tricolor. Aos 34 minutos, Osvaldo subiu pela esquerda e cruzou na medida para Rodrigo Caio que, de cabeça, fez o gol da vitória.

Foi a pá de cal nas pretensões do Corinthians, que ainda viu Guerrero sentir uma dor muscular na coxa esquerda perto do apito final.

Agora, os dois times se preparam para a Copa do Brasil, em viagens para o Nordeste. O Corinthians a vai a Feira de Santana, enfrentar o Bahia da cidade. Já o São Paulo vai a Alagoas, contra o CSA, no jogo que deve marcar a estreia de Alexandre Pato.


São Paulo supera dois gols contra e vence o Corinthians com golaço de Ganso

São Paulo supera dois gols contra e vence o Corinthians com golaço de Ganso

FICHA TÉCNICA

Data: 09/3/2014

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira

Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior e Anderson Jose de Moraes Coelho

Cartões amarelos: Cássio e Luciano (Corinthians) Antônio Carlos, Wellington e Maicon (São Paulo)

Gols: Antônio Carlos (contra), aos 9min do 1º tempo e aos 14min do 2º tempo; Ganso, aos 38min do 1º tempo; Luis Fabiano, aos 5min do 2º tempo; e Rodrigo Caio, aos 34min do 2º tempo

CORINTHIANS:

Cássio, Fagner, Gil, Cleber e Uendel; Ralf, Guilherme, Bruno Henrique (Danilo) e Renato Augusto (Guerero); Romarinho (Emerson) e Luciano

Técnico: Mano Menezes

SÃO PAULO:

Rogério Ceni, Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Alvaro Pereira; Souza (Wellington), Maicon e Ganso; Pabón, Osvaldo (Ademílson) e Luis Fabiano

Técnico: Muricy Ramalho

Fonte: UOL