Sarah Menezes leva bronze em Paris: 'Estou muito feliz , obrigada'

A atleta piauiense tem se destacado no cenário mundial.

O retrospecto era incômodo. Nos seis confrontos anteriores contra a bicampeã mundial Haruna Asami, Sarah Menezes havia amargado derrotas. Mas neste sábado, a campeã olímpica conseguiu conter o ímpeto da japonesa no Grand Slam de Paris. Não sem sufoco. A brasileira liderava a luta com um yuko até que Asami tentou um estrangulamento. Sarah manteve a calma, se defendeu bem e manteve a concentração nos 19s que restavam, ficando com a medalha de bronze na categoria até 48kg. Há duas semanas, ela já havia faturado o ouro no Grand Prix de Havana. Rafaela Silva também passou por um momento delicado no duelo com a polonesa Arleta Podolak (-57kg). Foi para o tudo ou nada e conseguiu um entrada, quando restavam 5s para fim, que lhe rendeu um yuko e o bronze.


No caminho até o pódio na França, Sarah passou por Tatiana Osoianu e pela francesa Melanie Clement, até cair na quartas para a belga Charline Van Snick num duelo equilibrado. Na repescagem, a brasileira derrotou a cubana Dayaris Mestre por ippon. Já Rafaela, bateu a americana Hana Carmichael, a húngara Hedvig Karakas, a canadense Catherine Beauchemin-Pinard, mas foi superada pela mongol Sumiya Dorjsuren, atual líder do ranking mundial, na semifinal.

Em seu perfil, numa rede social, Sarah escreveu: "Obrigada pela torcida. Estou muito feliz com meu desempenho e venho agradecer a todos que estão sempre comigo juntos nessa jornada”.

No masculino, Felipe Kitadai foi eliminado na segunda luta da categoria até 60kg pelo francês Walide Kkyar (levou uma punição a mais). Alex Pombo (73kg) também não conseguiu passar da segunda rodada. Não resistiu ao japonês Riki Nakaya, que aplicou um estrangulamento.  


A competição continua neste domingo, com mais oito brasileiros na disputa: Mayra Aguiar (78kg), Rochele Nunes (+78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg), Victor Penalber (81kg), Eduardo Bettoni (90kg), Luciano Corrêa (100kg), David Moura (+100kg) e Rafael Silva (+100kg). O SporTV2 transmite as finais a partir das 14h (de Brasília).


Rafaela Silva contra a polonesa Podolak (Crédito: IJF Media by G. Sabau)
Rafaela Silva contra a polonesa Podolak (Crédito: IJF Media by G. Sabau)
Sarah Menezes e a técnica Rosicleia Campos n (Crédito: Reprodução / Instagram)
Sarah Menezes e a técnica Rosicleia Campos n (Crédito: Reprodução / Instagram)
Fonte: Com informações do Globo Esporte