Atlético-MG vence e está na final do Mineiro; 1 a 0

Atlético-MG vence e está na final do Mineiro; 1 a 0

De cabeça, André marcou o único gol da partida

O Atlético-MG não precisou de uma grande atuação neste sábado para sair de campo com a classificação para a final do Campeonato Mineiro. Na despedida da Arena do Jacaré - o time deixará de jogar em Sete Lagoas para voltar a atuar na capital mineira, no Estádio Independência -, a equipe de Cuca derrotou o Tupi por 1 a 0. Com melhor campanha que o time do interior na primeira fase, o Atlético até podia empatar o jogo, já que a igualdade por 1 a 1 permaneceu na partida de ida da semi.

Graças ao gol marcado por André, já aos 26 minutos do segundo tempo, o Atlético espera agora por Cruzeiro ou América-MG na decisão do Estadual. O arquirrival celeste perdeu o primeiro jogo por 3 a 2 e agora precisa vencer para também avançar à final.

Os primeiros minutos da partida em Sete Lagoas já deram a tônica de como seria o confronto. Com ambas as equipes se estudando muito, o jogo seguiu sem grandes emoções até os 30 minutos, quando Felipe Souto perdeu boa chance, chutando para fora na frente do gol. Ainda na primeira etapa, apenas Richarlyson, em cobrança de falta de longe, também chegou a ameaçar a meta do Tupi.

O segundo tempo veio e o jogo ganhou em qualidade. No entanto, muito mais pela iniciativa do Tupi. A equipe do interior mineiro ameaçou o Atlético por pelo menos três vezes ainda antes dos dez primeiros minutos. A chance mais clara veio com Léo Salino, que carimbou o travessão do goleiro Giovanni.

Ainda no início do segundo tempo, o Atlético ganhou uma preocupação. O meia Fillipe Soutto sentiu o joelho direito e deixou o gramado com muitas dores. A articulação é a mesma que ele já operou, e por isso o jogador deve ser desfalque na final do Estadual, além de poder seguir afastado na sequência da temporada.

Quando já equilibrava as ações novamente, o Atlético enfim conseguiu o gol da vitória. Aos 25 minutos, André aproveitou o cruzamento preciso de Danilinho e, de cabeça, colocou o time alvinegro em vantagem. Daí para a frente, o Atlético se animou, mas parou na atuação segura do goleiro do Tupi, Rodrigo, que fez grandes defesas.

Fonte: Terra, www.terra.com.br