"Seria bonito jogar a Libertadores", diz Roberto Carlos

O Fenômeno foi peça fundamental para convencer Roberto Carlos a ir para o Timão

Perto de ser anunciado como reforço do Corinthians para a temporada de 2010, Roberto Carlos vai rescindir seu contrato com o Fenerbahçe, da Turquia, ainda esta semana. Embora não confirme que assinará acordo de dois anos com o Timão, o lateral-esquerdo já fala como corintiano. Principalmente quando o assunto é a reedição da parceria com Ronaldo, como foi no Real Madrid e também na seleção brasileira.

- Seria muito bonito jogar a Libertadores ao lado do Ronaldo, principalmente por ser o ano do centenário de um clube como o Corinthians - falou o pentacampeão.

O Fenômeno foi peça fundamental para convencer Roberto Carlos de que o projeto apresentado pelo Corinthians era melhor que o do Santos. De qualquer maneira, até para não ser indelicado com o time da Baixada Santista, o lateral tem dito que ainda há conversas com o Peixe. A realidade, porém, é outra. No Timão, o planejamento financeiro para viabilizar a contratação do jogador já está em andamento.

Aos 36 anos, Roberto Carlos acertou seu retorno ao Brasil depois de 13 anos na Europa. Por lá, ele passou por Internazionale de Milão, Real Madrid e Fenerbahçe. Em conversa com o GLOBOESPORTE.COM, o jogador falou da readaptação ao Brasil, da parceria com Ronaldo, da admiração por Mano e de Libertadores.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com