Tevez perde pênalti e Argentina cai

No segundo tempo, a chuva começou a castigar o gramado e atrapalhou os lances da Argentina

Jogando fora de casa, a Argentina perdeu por 2 a 0 para o Equador em jogo válido pela 14ª rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010. Os argentinos tiveram várias chances de gol, mas não foram capazes de abrir o placar. Com o resultado, a seleção comandada por Maradona segue no quarto lugar, enquanto os equatorianos passaram o Uruguai e entraram temporariamente no G4.





A Argentina teve um dia pouco inspirado e precisou contar com lances individuais para ameaçar o gol adversário. Messi e Tevez criavam as principais chances. A grande chance de marcar saiu aos 25min, quando o ex-atacante corintiano foi derrubado na área, mas Tevez bateu muito mal o pênalti. A altitude atrapalhava os visitantes, que viam seus passes irem muito além do previsto.

No segundo tempo, a chuva começou a castigar o gramado e atrapalhou os lances da Argentina. Os lances ofensivos paravam na boa atuação do goleiro Elizaga. O Equador cresceu na etapa complementar e começou a apostar nos chutes de fora da área. E foi assim que saiu o gol do time da casa, aos 26min. Ayovi bateu com estilo e bateu o goleiro Andújar.

Os argentinos seguiram apertando até o final, mas erravam muitos passes - justamente uma das qualidades da equipe visitante. Nos minutos finais, o treinador Diego Maradona lançou Diego Milito esperando conseguir vencer a forte marcação equatoriana, mas quem marcou foi o time da casa. Palacios aproveitou sobra na área e chutou forte para fazer o segundo gol.

Ficha Técnica

Gols

Equador: Ayovi, aos 26min do 2º tempo, e Palacios, aos 38min.

Lance bizarro

O time do Equador ficou seis minutos com um jogador a menos já que o técnico Sixto Vizuete demorou para lançar o substituto do lesionado Carlos Tenorio. Jefferson Montero entrou em seu lugar aos 12min.

Lance polêmico

O goleiro Eligaza deu um carrinho grotesco em Carlos Tevez, quando o argentino estava em direção ao gol. A arbitragem deu o pênalti e um cartão amarelo ao equatoriano, mas o lance era passível de expulsão.

Ponto Forte do Equador

Chutes de fora da área

Ponto Fraco do Equador

Marcação em linha não funcionou no primeiro tempo

Ponto Forte da Argentina

Jogadas individuais

Ponto Fraco da Argentina

Erros de passe e finalização

Personagem do jogo

Elizaga, que defendeu um pênalti e foi bem em vários lances

Esquema Tático Equador

4-4-2

Elizaga; Reasco, Espinoza, Hurtado e Ayovi; Valencia, Noboa (Palacios), Castillo e Mendez; Tenorio (Montero) e Caicedo (Guerron); Técnico: Sixto Vizuete

Esquema Tático Argentina

4-4-2

Andújar; Zanetti, Demichelis, Otamendi e Heinze (Milito); Maxi Rodríguez, Battaglia, Gago (Verón) e Gutiérrez; Messi e Tevez (Bergessio); Técnico: Diego Maradona

Cartões Amarelos

Equador: Elizaga e Noboa

Argentina: Gutiérrez

Árbitro

Carlos Chandía (CHI)

Fonte: Terra, www.terra.com.br