Thomaz Bellucci é campeão em Gstaad e quebra jejum brasileiro de cinco anos

Paulista derrota alemão e conquista seu primeiro título em torneios da ATP

 O Brasil teve que esperar cinco anos até voltar a ver um tenista erguer uma taça de um torneio da ATP. Neste domingo, Thomaz Bellucci, de 21 anos, só precisou de talento e paciência para esperar a chuva passar.

Depois de uma interrupção, ele voltou à quadra de saibro do torneio de Gstaad, venceu o alemão Andréas Beck por 6/4 e 7/6 (7/2), em 1h40m, e conquistou o primeiro título de sua carreira. O primeiro do tênis verde e amarelo desde 2004, quando Ricardo Mello, no piso sintético, levou o troféu em Delray Beach. Bellucci tinha vencido o primeiro set por 6 a 4. No segundo, perdia por 4 a 3 quando São Pedro resolveu dar uma ajuda lá na Suíça. Beck, carrasco de Marcos Daniel nas semifinais, sucumbiu após 40 minutos. - Foi uma semana incrível e especial, a mais importante da minha vida. Pude mostrar esta semana que posso jogar em um nível mais alto, mas sempre mantendo os pés no chão - comemorou Bellucci, emocionado.

Com o título em Gstaad, o brasileiro ganhou 250 pontos, o que resultará em grande salto no ranking mundial. Na lista, que será divulgada nesta segunda-feira pela ATP (Associação dos Tenistas Profissionais), ele deverá pular da 119ª posição para a 65ª (sua melhor colocação na carreira até agora foi o 63º lugar).

- Tivemos semanas muito duras até pouco tempo atrás, onde as coisas não estavam dando certo. Apesar de eu não estar jogando mal, as vitórias não vinham. Nesse período, eu e o João (Zwestch, técnico) nunca desistimos e seguimos trabalhando duro e acreditando. O resultado está aí. A sensação de ser campeão é extraordinária, mas sei que temos muito a trabalhar e melhorar para seguir entre os tops, que é o nosso principal objetivo - afirmou.

Fora do Brasil desde o final de junho para uma temporada de saibro na Europa, onde jogou os challengers de Turim, San Benedetto, Rimini (foi campeão) e Recanati na Itália, além do ATP de Gstaad, Bellucci e o técnico João Zwestch retornam ao país início desta semana. O tenista treinará em São Paulo para o qualifying do US Open, no final de agosto.

Fonte: g1, www.g1.com.br