Torcida do Flu promete provocar Atlético-MG com chupeta gigante

Torcedores levarão centenas de chupetas gigantes para o estádio, questionando o "choro" dos atleticanos sobre a arbitragem

Na vitória por 3 a 2 do Atlético-MG sobre o Fluminense no último domingo, a torcida mineira protestou contra um suposto favorecimento da arbitragem aos cariocas, fazendo um mosaico com as cores do time das Laranjeiras e a sigla da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), além de levar alguns narizes de palhaço para o Independência. Como resposta, a torcida tricolor também promete provocar os rivais na briga pelo título com ironia antes da partida contra o Coritiba, nesta quinta-feira, às 21h, no Engenhão.

Integrantes de uma torcida organizada do Fluminense levarão centenas de chupetas gigantes para o estádio, questionando o "choro" dos atleticanos sobre a arbitragem. Além disso, outro grupo levará bolos com o símbolo do clube mineiro e a inscrição "chorões". O doce terá 40 cm x 40 cm, em alusão ao número de anos que o Atlético-MG não conquista um Campeonato Brasileiro.

Outros torcedores também já se manifestaram nas redes sociais prometendo levar cartazes e faixas reclamando da perseguição ao time carioca. Até mesmo um anão foi contratado para usar a camisa do time mineiro e uma chupeta. Galinhas pretas de plástico também foram compradas pelo mesmo grupo de torcedores, assim como o grupo musical "Confraria do Garoto", famoso por suas sátiras, que também estará presente. As brincadeiras estão marcadas para 19h, no portão Leste.


Torcida do Flu promete provocar Atlético-MG com chupeta gigante, bolo e galinha

Torcida do Atlético-MG fez mosaico contra Fluminense e CBF no Independência (Foto: Reprodução)

O protesto da torcida atleticana poderá render problemas ao clube, já que o Procurador Geral do STJD, Paulo Schimitt, afirmou que apresentará denúncia contra as manifestações de protesto da torcida atleticana antes e durante a partida contra o Fluminense, no último domingo. ?A Corregedoria tem de levar para o conhecimento do Tribunal esta manifestação?, afirmou o procurador.

Fonte: UOL