Treinador Marcão ajusta detalhes no Piauí para jogo de sábado

Até lá, o treinador Marcão quer fazer os últimos ajustes na equipe

De olho na estreia contra o Parnahyba, equipe disputa, no próximo sábado, um amistoso contra a equipe do River, que disputa a série D

O Piauí Esporte Clube estreia na Copa Piaui no dia 30 de agosto, diante do Parnahyba, fora de casa. Até lá, o treinador Marcão quer fazer os últimos ajustes na equipe, para tentar surpreender o time azulino.

“Nesses últimos dias vamos corrigir os detalhes finais para conseguir uma vitória - mesmo sabendo das dificuldades de enfrentar o Parnahyba fora de casa. Espero que o grupo assimile bem nossa filosofia, para que possamos começar bem”, disse Marcão.

O treinador elogiou o plantel rubro anil. “A equipe já tem uma base boa. As contratações que foram feitas também são boas, o que facilita o trabalho”.

Para alguns atletas, a Copa Piauí é a oportunidade de buscar uma espaço no time e de virar a página da campanha feita no Piauiense - na qual o Zé do Povo escapou do rebaixamento na “bacia das almas”. O goleiro Joel é um desses jogadores. “Estamos trabalhando forte. Vamos aproveitar esses dias para aprimorar a parte física e chegar bem na estreia. Estou aqui há algum tempo, e trabalho para poder ajudar o time”, disse o arqueiro.

O time tem um teste neste sábado (22), às 9h. O time Sub-23 do Piauí faz jogo-treino contra o time principal do River no campo do C.T. Afrânio Nunes, na zona Sul de Teresina.

Parnahyba pode jogar Copa Piauí em Luís Correia

Os torcedores do Parnahyba tiveram uma notícia boa e outra ruim nos últimos dois dias. Primeiro a boa: Na noite de terça-feira, a diretoria azulina confirmou a volta do treinador Paulo Moroni ao comando do time para a disputa da Copa Piauí. Moroni, que já foi bicampeão piauiense à frente do Tubarão, chegou ontem a Parnaíba e deve começar hoje a trabalhar com o grupo.

A notícia ruim é a de que há um impasse a respeito do local onde terá de mandar seus jogos na competição. Por conta de uma taxa, o time não poderá mais jogar no estádio Verdinho, e já que o Estádio Municipal Pedro Alelaf não teve ainda sua reforma concluída, a escolha deve recair sobre o Duduzão, localizado na cidade de Luís Correia.

“Tínhamos uma parceria para a utilização do Verdinho, mas agora está sendo cobrada uma taxa. Como a Copa Piauí é uma competição deficitária, não temos condições de pagar”, resumiu Batista Filho, presidente do time do litoral em entrevista ao reporter Gláucio Júnior.

Batista também falou sobre a volta de Moroni. “Fizemos a parte física durante os dez últimos dias, e a partir desta quinta, o treinador Paulo Moroni começa a realizar o trabalho de campo com os jogadores, para que possamos estrear bem no dia 30”, finalizou o dirigente.

Fonte: Dowglas Lima