Um dia após motociclista, piloto morre em acidente em Macau

Um dia após motociclista, piloto morre em acidente em Macau

Phillip Yau é a segunda vítima fatal da pista de rua em apenas dois dias.

Um dia depois do acidente fatal do piloto português Luís Carreira, que neste fim de semana disputaria a prova de motovelocidade no circuito de Macau, outro competidor perdeu a vida no traiçoeiro traçado da colônia portuguesa em território chinês. Na sessão classificatória para a Taça CTM Macau, uma corrida de carros de turismo, o representante de Hong Kong, Phillip Yau, bateu na Curva Mandarim, e os médicos pouco puderam fazer para salvá-lo. O acidente ocorreu às 13h11m, hora local.

Yau estava em sua segunda volta rápida a bordo de seu Chevrolet Cruze LT, um modelo que já havia competido no Campeonato Mundial de Turismo, o WTCC, categoria que também corre anualmente em Macau. No ponto mais rápido da pista, o choque com as barreiras de proteção causou vários danos ao carro. Devido à sua posição, a equipe de resgate teve que cortá-lo pela porta traseira para conseguir retirar o piloto. A remoção durou seis minutos, e depois o competidor foi levado ao hospital de helicóptero, onde os médicos informaram, pouco tempo depois, que ele não sobreviveu aos ferimentos. A morte foi confirmada às 13h51.

Fonte: Globo Esporte