Vasco vence Ponte Preta e retoma liderança: 3 a 2

Vasco vence Ponte Preta e retoma liderança: 3 a 2

O primeiro resultado positivo do Vasco depois de duas rodadas deixa o time de Sâo Januário com 16 pontos

O Vasco assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro. Na noite deste sábado, a equipe comandada por Cristóvão Borges sofreu, mas conseguiu vencer de virada a Ponte Preta pelo placar de 3 a 2, em São Januário, e retomou a primeira colocação da Série A. Alecsandro, Éder Luís e Diego Souza assinalaram os gols do time carioca. O centroavante Roger descontou ao marcar os dois tentos do clube campineiro.

O primeiro resultado positivo do Vasco depois de duas rodadas deixa o time de Sâo Januário com 16 pontos, um a mais do que o rival Fluminense, que passou neste sábado pelo Náutico. Os cariocas, contudo, podem perder o primeiro posto ao final desta 7ª rodada, caso o Atlético-MG supere o Grêmio, no Olímpico, neste domingo. Derrotada, a Ponte Preta permanece com nove pontos, na região intermediária da tabela.

Embalado pela vitória conquistada em São Januário, o Vasco buscará embalar na competição no próximo domingo. A partir das 16h (de Brasília), o time comandado por Cristóvão Borges terá pela frente o Figueirense, no Estádio Orlando Scarpelli. Por outro lado, a Ponte Preta terá a chance de se recuperar no Campeonato Brasileiro diante do Palmeiras, também domingo, às 18h30, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

O jogo

Cristóvão Borges surpreendeu a torcida do Vasco ao escalar Carlos Alberto na vaga de Diego Souza, numa tentativa de dar mais criatividade ao ataque do time de São Januário. Foi a Ponte Preta, porém, que começou mais agressiva, tocando a bola com rapidez e buscando espaços na defesa da equipe carioca. Aos dois minutos, Cicinho arrancou pela direita e cruzou para André Luís, mas Renato Silva aliviou o perigo.

Aos 16 min, a Ponte Preta marcou o primeiro gol. João Paulo Silva fez lançamento perfeito para Roger que recebeu nas costas da zaga e bateu cruzado sem chances para Fernando Prass. Em desvantagem, o Vasco partiu em busca do empate e alcançou seu objetivo aos 20min. Felipe conduziu a bola pela esquerda e lançou para a pequena área. Éder Luís não alcançou; e Alecsandro surgiu para empurrar a bola para as redes, decretando a igualdade.

Quando tudo indicava que o time de São Januário desempataria a partida, a Ponte Preta marcou o segundo gol aos 26min. O artilheiro Roger recebeu bom passe de Renê Junior e bateu de primeira, surpreendendo Fernando Prass, que saltou atrasado e não conseguiu impedir o gol.

Apesar dos pedidos da torcida por Diego Souza, o Vasco voltou com a mesma equipe. Já no primeiro ataque, aos 3min, o time da Colina conseguiu o empate. Alecsandro recebeu de Carlos Alberto e cruzou para a área. Lucas falhou de forma grotesca e a bola sobrou para Éder Luís bater rasteiro, sem chances para Édson Bastos.

O técnico Cristóvão Borges cedeu aos apelos da torcida e colocou Diego Souza em campo, tirando Éder Luís. Com o camisa 10, o time mandante chegou ao terceiro gol. William Matheus foi empurrado na área por Lucas dentro da área. O camisa 10, que não escondeu a insatisfação por ficar no banco de reservas, arrematou firme e virou o jogo, decretando a vitória vascaína.

Fonte: Terra