Vettel vence com tranquilidade na Bélgica e se torna 5° maior vencedor da F-1; Massa ficou em 7º

Vettel vence com tranquilidade na Bélgica e se torna 5° maior vencedor da F-1; Massa ficou em 7º

Com o resultado, Vettel se tornou o quinto maior vencedor da história da Fórmula 1, igualando a marca do inglês Nigel Mansell, com 31 vitórias.

O alemão Sebastian Vettel deu mais um passo importante para a conquista do tetracampeonato mundial neste domingo (25) ao vencer, de ponta a ponta, o GP da Bélgica. Depois de largar na segunda posição, o piloto da Red Bull ultrapassou Lewis Hamilton logo na primeira volta da corrida e não perdeu mais a liderança.

Com o resultado, Vettel se tornou o quinto maior vencedor da história da Fórmula 1, igualando a marca do inglês Nigel Mansell, com 31 vitórias. Além disso, o piloto da Red Bull abriu uma vantagem de 46 pontos na liderança do Mundial de Pilotos, à frente do novo vice-líder, o espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, que com o segundo lugar na corrida ultrapassou Kimi Raikkonen na tabela de classificação do campeonato.

O brasileiro Felipe Massa, que havia largado em 10º lugar, teve problemas nas primeiras voltas e não conseguiu acompanhar o ritmo das principais equipes. Na segunda metade da prova, o piloto da Ferrari se recuperou e ganhou algumas posições, fechando a corrida na sétima colocação.

Fernando Alonso foi o destaque da largada e saltou da nona para a quinta posição. O piloto espanhol fez uma corrida de recuperação logo no começo da prova e ultrapassou Jenson Button, da McLaren, na quarta volta. Duas voltas depois, chegou à terceira colocação após passar por Nico Rosberg, da Mercedes.

Na 15ª volta, Fernando Alonso e Lewis Hamilton voltaram a protagonizar uma disputa acirrada por posição. O piloto da Ferrari partiu para cima do inglês da Mercedes e fez na ultrapassagem na freada de uma das curvas. Hamilton tentou dar o troco, mas Alonso conseguiu com uma manobra segurar a terceira colocação. Com a ida de Button para os boxes, o espanhol ganhou a segunda posição.Depois de surpreender no treino de sábado (24) ao fazer a pole position, Lewis Hamilton não conseguiu manter um rimo competitivo em relação a Vettel e Alonso e acabou ficando com a terceira posição. Apesar disso, o piloto da Mercedes conseguiu ganhar uma posição no campeonato de pilotos, passando para o 3º lugar.


Vettel vence com tranquilidade na Bélgica e se torna 5° maior vencedor da F-1

Kimi Raikkonen, que era o vice-líder do campeonato até o GP da Bélgica, teve problemas com os freios do carro e precisou abandonar a corrida na 27ª volta, quando disputava a sétima colocação com Massa.

Paul di Resta, da Force India, que foi o destaque do treino classificatório do sábado ao marcar o quinto melhor tempo, saiu da corrida na 28ª volta após ser atingido pela Williams do venezuelano Pastor Maldonado.

Jenson Button, da McLaren, surpreendeu e andou bem com o carro da equipe, que tem enfrentado muitas dificuldades durante a temporada. O campeão mundial de 2009 conseguiu chegar na sexta colocação.

Fonte: UOL