Vitor Belfort publica fotos da sua mão após cirurgia no consultório

Vitor Belfort publica fotos da sua mão após cirurgia no consultório

Lutador deslocou ossos da mão esquerda durante os treinos para o UFC 147, e não poderá enfrentar Wanderlei Silva.

Vitor Belfort postou na manhã desta-terça-feira a primeira foto da sua mão esquerda após a cirurgia realizada pelo médico Michael Simoni após o deslocamento de ossos sofrido no último sábado, quando treinava para enfrentar Wanderlei Silva na luta principal do UFC 147, que acontece dia 23 de junho, em Belo Horizonte.

- Aí galera as primeiras fotos trocando o curativos... - diz o post do lutador, que mostra a mão com um gancho, usado para manter os ossos no lugar durante o processo de calcificação.

No vídeo ao lado, Vitor tem os curativos trocados pelo médico Michael Simoni, em seu consultório. O lutador aproveitou para encerrar o assunto sobre as acusações de Wanderlei Silva, que postou no Twitter que duvidava da veracidade da lesão de Belfort. Segundo o Cachorro Louco, o rival poderia ter fingido o incidente para evitar enfrentá-lo.

- Isso é para encerrar a discussão com o meu oponente. Tira o marketing que ele está fazendo em cima da minha lesão. Ele foi rude, usou palavras desnecessárias, mas eu não me rebaixo a isso. Esse vídeo é para mostrar que nunca faltei com o respeito com ele e com os fãs. Ele estimula muito a violência da maneira como fala, parece briga de rua. Não espero solidariedade dele, mas deveria ter respeito e compreender o próximo. Todo mundo está sujeito a lesões. O Wanderlei quer crescer em cima disso. Ele já teve a chance de lutar comigo, mas preferiu o Chris Leben. Agora, em vez de ser respeitoso, tenta botar os fãs contra mim, como se a culpa fosse minha. A rivalidade existe, mas a falta de respeito da parte dele aparece o tempo inteiro. Isso é uma coisa que os fãs deveriam enxergar e compreender. O vídeo mostra o que realmente aconteceu. Contra provas não há argumentos. Mas eu permaneço íntegro e torço para que o evento seja um sucesso. Espero que ele vença para poder lutar comigo de novo. Um abraço e até a próxima luta - disse o lutador por telefone.

Fonte: Globo Esporte