""Voltarei a ser o número 1 do mundo"", diz Ronaldinho

Ele reconheceu que atualmente passa por um momento instável no futebol

O atacante brasileiro Ronaldinho Ga?cho, atualmente no Milan, afirmou que espera voltar a ser em pouco tempo o n?mero um do mundo, em entrevista publicada nesta quarta-feira pelo jornal esportivo italiano "La Gazzetta dello Sport".

- Estou trabalhando forte para isto (ser o n?mero um), e agora estou vivendo um momento de adapta??o ? minha nova realidade - diz Ronaldinho, que no meio do ano trocou o Barcelona, da Espanha, pelo futebol italiano.

O brasileiro reconheceu que atualmente passa por um momento inst?vel no futebol, alternando boas atua?es com partidas apagadas.

- ?s vezes jogo bem e outras vezes menos. Devo conseguir um equil?brio e estou treinando forte para isso. Em dez dias estarei muito melhor - afirma.

Al?m disso, acrescentou que o futebol italiano ? muito t?tico e muito competitivo. Ronaldinho afirmou ainda que tem uma boa rela??o com o treinador do Milan, Carlo Ancelotti, e ressaltou sua amizade com os companheiros Kak? e Seedorf.

O jogador brasileiro tamb?m comentou sobre o incidente durante os Jogos Ol?mpicos de Pequim, no qual ele supostamente pediu uma atleta da sele??o feminina de futebol da Su?cia em casamento:

- H? uma certa diferen?a entre dizer "voc? ? t?o bonita que me casaria com voc?" e perguntar "voc? quer se casar comigo?".

Ronaldinho disse ainda que seu favorito para a Bola de Ouro ? o meia Kak?, e em segundo lugar seu ex-companheiro de Barcelona Lionel Messi.

- Este ano n?o estou entre os favoritos porque joguei pouco e n?o ganhei nada, mas em 2009 vou voltar para a disputa - promete.

Perguntado sobre qual ? seu maior desejo pessoal na It?lia, o jogador brasileiro respondeu sem titubear:

- Eu gostaria muito de conhecer o papa.

Fonte: Globo Esporte