Warlley e "Cara de Sapato" foram os grandes campeões da 3ª edição The Ultimate Fighter Brasil

Warlley e "Cara de Sapato" foram os grandes campeões da 3ª edição The Ultimate Fighter Brasil

Cara de Sapato é campeão do TUF; Warlley vence nos médios

Warlley Alves e Antônio "Cara de Sapato" são os grandes campeões da terceira edição do reality show The Ultimate Fighter Brasil. Lutando no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, neste sábado, os lutadores entraram com o pé direito no UFC. Além do título da competição, o vencedor de cada categoria de peso ganhará um contrato internacional com a organização. Pelos médios, Warlley não deu chances para "Lyoto". Já nos pesados, Cara de Sapato venceu por decisão unânime.

Com os resultados, Chael Sonnen e Wanderlei Silva terminam empatados o The Ultimate Fighter Brasil 3. Cada um saiu com um campeão da casa. Cara de Sapato conquistou o título para o brasileiro, enquanto Warlley faturou pelo time do americano.

Warlley demonstrou a felicidade após a luta. "Primeiro quero agradecer a Deus. Estou muito feliz, treinei muito, esse é um sonho que está se realizando, daqui pra frente será só luta emocionante", e ainda deixou seu recado para Sonnen. "Chael agora é com você irmão", deixando clara sua torcida para o treinador.

Cara de Sapato também demonstrou imensa alegria ao ser coroado como campeão dos pesados do TUF 3. "Com certeza é uma noite muito especial, estavam todos torcendo e gritando. Obrigado a todos. Agradeço também a todos que estavam na casa", disse.

Antônio ainda foi surpreendido ao agradecer Wanderlei Silva, seu técnico na casa, e ouvir os brasileiros o vaiarem. "Obrigado Wanderlei... Eu sei que estão chateados, mas ele merece nosso respeito por tudo que já fez", finalizou.





Warlley Alves massacra Márcio "Lyoto"

Pelos médios, Warlley Alves e Márcio "Lyoto" foram os responsáveis por fazer a primeira final do The Ultimate Fighter Brasil 3. Ao contrário do que era esperado, Warlley massacrou Lyoto, dominou os todos os rounds e com uma bela guilhotina finalizou seu rival no terceiro assalto. De qualquer maneira, Chael Sonnen conquistaria a divisão dos médios do TUF 3, já que esses dois atletas faziam parte de sua equipe no reality show.

A luta começou de forma eletrizante. Logo no primeiro minuto Warlley acertou Lyoto e o levou para o chão. O lutador mineiro tentou finalizar o combate naquele momento, mas o catarinense se defendeu bem e voltou para o duelo. Warlley continuou melhor no round e na sequência aplicou uma bela queda, o que contou mais alguns pontos para os juízes. Warlley foi muito superior no primeiro round, abusando das sequências de socos e utilizando bem os chutes rodados.

Warlley voltou da mesma maneira para o segundo assalto. Agressivo, o lutador mineiro foi para cima de Lyoto e conseguiu aplicar mais um knockdown. No chão, seu rival pouco pode fazer. Com pisões e socos de cima para baixo, Warlley dominou o segundo assalto e ficou com a mão no título. Lyoto, com técnicas de caratê, tentou arriscar alguns chutes, mas Warlley defendia bem e já tentava aplicar outra queda.

No terceiro round Warlley consolidou o massacre. Com uma bela guilhotina, o lutador finalizou Lyoto e se consagrou campeão dos pesos-médios do TUF 3.

"Cara de Sapato" desbanca Vitor Miranda e é campeão dos pesados

A juventude de Antônio "Cara de Sapato" fez a diferença da categoria peso-pesado do TUF 3. Com 24 anos, o lutador impôs um ritmo mais forte e superou Vitor Miranda, que já está com 35 anos. Com a vitória, Cara de Sapato empatou as conquistas entre Sonnen e Wanderlei.

Cara de Sapato começou tomando a iniciativa e encurralando Vitor Miranda. Após uma boa sequência de golpes, os lutadores já foram para as grades. Não demorou muito e ele já demonstrou superioridade, mesclando bons socos, com uma tentativa de queda. No final do round, Cara de Sapato conectou bons chutes na barriga de Vitor, que tentou dar o troco, mas não foi tão bem sucedido.

O segundo round começou mais parelho, com Vitor Miranda arriscando mais. Porém, no meio do assalto, Cara de Sapato conseguiu uma montada e castigou seu adversário com alguns socos. Tentando se defender, Vitor conseguiu levar para a meia-guarda e quase foi surpreendido com uma finalização. Faltando pouco mais de um minuto, foi a vez de Vitor castigar o atleta de Wanderlei Silva. Encurralado entre o chão e as grades, Cara de Sapato sofreu com vários golpes potentes, mas depois, por pouco, não encaixou um triângulo e acabou com a luta.

Empatados, os lutadores começaram o último round se estudando. Mas não demorou muito para Cara de Sapato conseguir uma queda e ficar por cima de Vitor Miranda. Os dois seguiram o round inteiro no chão, com domínio do atleta da equipe de Wanderlei Silva. Assim, Cara de Sapato se sagrou campeão dos pesados.

Fonte: Terra