Zé Ricardo é absolvido pelo STJD após ser expulso contra o Timão

Treinador vai estar no banco de reservas contra o Botafogo

 Após ser expulso da derrota por 4 a 0 diante do Corinthians, no último dia 3, Zé Ricardo passou por um julgamento no STJD na tarde desta quarta-feira e foi absolvido das acusações. O diretor de futebol do Flamengo, Rodrigo Caetano, também foi julgado e não sofreu nenhuma punição.

Após esbravejar com um carrinho do lateral Fagner, que culminou com a lesão de Ederson, o comandante rubro-negro foi expulso pelo árbitro Héber Roberto Lopes e denunciado por "conduta contrária à disciplina ou ética". No entanto, de forma unânime, ele foi absolvido da acusação pelo auditores Gustavo Ferreira e Luiz Felipe Procópio.

Com a decisão do Supremo, o treinador fica disponível para estar à frente do banco de reservas do Flamengo, no clássico do próximo sábado, contra o Botafogo, pelo Campeonato Brasileiro.

Já Rodrigo Caetano foi enquadrado por ofensa, segundo o artigo 243-F, mas também foi absolvido. Desta forma, nenhum dos membros sofreram qualquer tipo de sanção e o clube não foi multado.

Técnico do Fla é absolvido em julgamento (Crédito: Divulgação)
Técnico do Fla é absolvido em julgamento (Crédito: Divulgação)
Fonte: Terra