1ª etapa da ZPE de Parnaíba vai gerar mais de 3 mil empregos no PI

1ª etapa da ZPE de Parnaíba vai gerar mais de 3 mil empregos no PI

Zona de Processamentos de Exportação de Parnaíba deve trazer uma série de benefícios ao Estado

Com a finalidade de atrair investimentos estrangeiros voltados para as exportações, criar empregos, aumentar o valor agregado das exportações e fortalecer o balanço de pagamentos, difundir novas tecnologias e práticas mais modernas de gestão, dentre outras práticas, a Zona de Processamentos de Exportação de Parnaíba (ZPE), deve trazer uma série de benefícios que resultarão no desenvolvimento do Estado.

Ao entrar em funcionamento, em junho de 2013, a primeira etapa deve contar com dez empresas em funcionamento, oferecendo de imediato 200 empregos diretos e cerca de 3 mil indiretos. Em uma reunião de monitoramento de metas, realizada ontem com o governador Wilson Martins, a ZPE Parnaíba apresentou o andamento da implantação da Zona de Processamento de Exportação no Estado.

A diretoria da Companhia Administradora da ZPE Parnaíba está constantemente no município para acompanhar o andamento da obra e agilizar os trâmites legais junto à Prefeitura.

“A legislação das ZPEs no Brasil determina que a ZPE Parnaíba esteja em operação em julho de 2013, o Governo do Estado e a Companhia Administradora estão empenhadas para que mais esse prazo seja cumprido”, frisou o presidente da Companhia, Mirocles Veras. Durante a reunião de monitoramento, o governador Wilson Martins pediu empenho e atenção na elaboração da licitação da 2º etapa da obra da ZPE Parnaíba.

Na primeira etapa está contemplada a construção da guarita de controle de veículos leves e pesados, a cerca perimetral e o prédio da administração. A licitação está orçada em aproximadamente R$ 1.830.000,00. A segunda etapa tem prazo oficial para conclusão no dia 30 de junho de 2013, mas a expectativa do governo é de que as obras deverão terminar bem antes. No final, o investimento deverá chegar a R$ 10 milhões.

Fonte: Jornal Meio Norte