Portal meionorte.com BETA

PUBLICIDADE
ESCONDER
••• atualizado em 04 de Fevereiro de 2012 às 07:32

16ª vítima do desabamento é identificada com exame de DNA

Marcos Moraes
PUBLICADO POR

Marcos Moraes


Repórter

A Polícia Civil do Rio de Janeiro identificou na sexta-feira a 16ª vítima do desabamento de três prédios no centro do Rio, que ocorreu na noite do último dia 25. Segundo informações da assessoria da polícia, o corpo de Bruno Charles Guitahy foi o primeiro a ter identificação por meio de exame de DNA.

Os desabamentos

Três prédios desabaram no centro do Rio de Janeiro por volta das 20h30min de 25 de janeiro. Um deles tinha 20 andares e ficava situado na avenida Treze de Maio; outro tinha 10 andares e ficava na rua Manuel de Carvalho; e o terceiro, também na Manuel de Carvalho, era uma construção de quatro andares. Segundo a Defesa Civil do município, pelo menos 17 pessoas morreram. Cinco pessoas ficaram feridas com escoriações leves e foram atendidas nos hospitais da região. Bombeiros e agentes da Defesa Civil trabalham desde a noite da tragédia na busca de vítimas em meio aos escombros. Estão sendo usados retroescavadeiras e caminhões para retirar os entulhos.

Segundo o engenheiro civil Antônio Eulálio, do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio de Janeiro (Crea-RJ), havia obras irregulares no edifício de 20 andares. O especialista afirmou que o prédio teria caído de cima para abaixo e acabou levando os outros dois ao lado. De acordo com ele, todas as possibilidades para a tragédia apontam para problemas estruturais nesse prédio. Ele descartou totalmente que uma explosão por vazamento de gás tenha causado o desabamento.

COMUNICAR ERRO

Comunique à Redação erros de português, informação ou técnicos encontrados nesta página:

  • Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente ao Portal Meio Norte
156377,noticias

Manchetes em destaque

ver todas as manchetes
Exibir em:

Redes Sociais

  • Google +1
  • Twitter
  • Instagram
  • Facebook