50% dos servidores estaduais podem ter seus pagamentos suspensos

Pouco mais de 50% fizeram recadatramento que é obrigatório

Image title

Pouco mais de 50% dos servidores públicos estaduais fizeram o Recadastramento que está sendo realizado pelo Governo do Estado, em parceria com o Ministério da Previdência Social. Foram convocados, entre ativos, aposentados, pensionistas, comissionados e serviços temporários um total de 83.321 servidores e destes 43 mil fizeram a atulização dos dados do Censo Previdenciário.

O  Recadastramento é obrigatório e presencial. O servidor que não atualizar os dados e fizer a captura biométrica dentro do cronograma divulgado pela Secretaria de Administração e Previdência (SeadPrev), terá o salário bloqueado  no mês subsequente.  "Essa é uma decisão que vem sendo anunciada desde o início do ano, por isso, quem ainda não se recadastrou deve agendar o atendimento a fim de evitar a suspensão do contracheque", afirma o secretário Franzé Silva.

Para atender todos os servidores em tempo hábil, o Governo disponibilizou atendimento em dois turno, tanto na capital como no interior. Segundo Frazé o que se pode observar que há um fluxo maior de pessoas no turno da manhã e  no período da tarde as unidades de atendimentos ficam vazias, mesmo o horário tendo sido estendido até às 17h.

“Dispomos ainda de caminhão digital que cumpre rotas em vários municípios piauienses, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17h, para atualizar os dados cadastrais e funcionais dos comissionados exclusivos, prestadores de serviço e contratos temporários”, acrescenta Franzé.

Os servidores efetivos e inativos, além dos pensionistas que moram no interior, são atendidos nas Gerências Regionais conforme o mês de aniversário de cada um e que consta no calendário divulgado na mídia e disponibilizado no site www.seadprev.pi.gov.br.

Franzé Silva destacou que existe também o agendamento especial. O objetivo é atender os servidores doentes (acamados), idosos (com dificuldade de locomoção), com necessidades especiais (com dificuldade de locomoção), dependentes químicos internados em Centros de Recuperação e servidores reclusos (presos). “A marcação deve ser realizada por meio do número 0800 280 3655, de segunda à sexta-feira, das 8 às 17h. É necessário levar o laudo ou atestado médico junto às Unidades de Atendimento”, explicou o secretário.

Em Teresina, a Unidade de Atendimento da Seadprev atendeu 55,95% do servidores. A 20ª GRE atualizou o dados de 48,85% dos atendimentos previstos para o local e no posto em funcionamento no Ceir, 56,86%. Na Escola Fazendária, que concentra os aposentados, 57,66% dos servidores atualizaram os dados cadastrais.

No interior do Estado, problemas pontuais como falta de energia e sinal de internet têm prejudicado o atendimento em algumas cidades, mas a Seadprev, em conjunto com a Serconprev, busca alternativas imediatas para resolução das dificuldades que vão aparecendo no decorrer do processo. Em Corrente, por exemplo, o recadastramento vem sendo feito de forma manual.

Fonte: Ccom