Adolescentes internos do CEM são capacitados em cursos em Teresina

Cada interno receberá R$ 2 por hora/aula assistida.

Nesta segunda-feira (14) foram iniciados dois cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), voltados aos adolescentes que cumprem medidas socioeducativas no Centro Educacional Masculino (CEM) em Teresina.

Vinte e três internos estão matriculados em turmas profissionalizantes de Pintor de Obras, com carga horária de 200h, e Padeiro, com carga horária de 220h. Cada interno receberá R$ 2 por hora/aula assistida. As aulas serão de segunda a sexta-feira na unidade.


Internos do CEM assistem aula. (Crédito: Ascom Sasc)
Internos do CEM assistem aula. (Crédito: Ascom Sasc)

Os cursos estão sendo ofertados em parceria com o Senai. As inscrições foram realizadas no portal dos Ministérios da Educação e da Justiça, com a efetivação das matrículas dos participantes.

 A escolha dos cursos está relacionada a critérios como aquecimento do mercado de trabalho, demanda de ofertas de vagas e, sobretudo, nível de escolaridade e interesse dos seus participantes.

O secretário de Estado da Assistência Social e Cidadania (Sasc), Henrique Rebelo, reforça a importância dos cursos para a reinserção dos adolescentes na sociedade. “Enquanto cumprem medidas socioeducativas, eles recebem capacitação para exercerem uma profissão, facilitando a entrada desses adolescentes no concorrido mercado de trabalho”, disse o secretário da Sasc.

Criado pelo Governo Federal em 2011, o Pronatec visa ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica. A Sasc aderiu ao programa, buscando oferecer alternativas profissionais a esses adolescentes.

Fonte: Com informações do Portal do Governo