Airbus financiará com R$ 53,2 mi operação de buscas das caixas-pretas do voo 447

A segunda fase das buscas que estão em andamento deve terminar em 22 de agosto

A fabricante de aviões Airbus está disposta a gastar até ? 20 milhões (R$ 53,2 milhões) para ajudar nas buscas pelas caixas-pretas do A330 da Air France, cuja aeronave que fazia o voo 447 entre o Rio de Janeiro e Paris caiu no Oceano Atlântico, em 1º de junho, matando 228 pessoas. A informação foi publicada na edição desta quinta-feira (30) do jornal francês de negócios "La Tribune".

"Queremos saber o que exatamente aconteceu", disse ao jornal o presidente da Airbus, Thomas Enders. "Estamos apoiando uma busca estendida, por meio de uma grande doação", afirmou o executivo, acrescentando que sua "prioridade absoluta é melhorar a segurança do transporte aéreo".

O La Tribune disse que a Airbus está disposta a doar entre ? 12 milhões e ? 20 milhões para que as buscas possam ser estendidas por "pelo menos três meses".

A segunda fase das buscas que estão em andamento deve terminar em 22 de agosto. A procura pelas caixas-pretas do Airbus são sendo realizadas por uma embarcação do Instituto Francês de Investigação e Exploração do Mar (Ifremer), que conta com dois aparatos de última geração para operar no fundo do mar: o submarino "Nautile" e o robô "Victor".

O acidente com o voo 447 foi o pior desastre em 75 anos de história da Air France.

Fonte: g1, www.g1.com.br