Caçadora de 12 anos posa com animais mortos e diz que não vai parar

"Aprendi a apreciar o sabor da carne que mato”, afirmou.

Uma menina de 12 anos virou alvo de muitas críticas depois que fotos dela matando animais viralizaram na internet. Neste segunda-feira, Aryanna Gourdin participou do programa “Good Morning Britain”, ao lado do pai, Eli, e foi confrontada pelos apresentadores sobre seu hobby. “Eu gosto de caçar porque isso é algo que minha família faz há muito tempo. E eu realmente aprecio o sabor da carne que mato”, justificou.

Aryanna comentou as ameaças de morte recebidas por ela após postar as fotos ao lado das caças. “Estou muito chateada que as pessoas valorizam mais a vida de um animal do que de outra pessoa. Eu tento ignorar a maioria dos comentários que recebo, mas eu li alguns sem querer”, disse.

A menina, que caça desde os 7 anos de idade, também garantiu que não vai parar. “Eu nunca vou parar de caçar. Eu sempre vou caçar. É algo que milhares de pessoas fazem e isso nunca vai parar. Aprendi a apreciar o sabor da carne que mato”, afirmou a menina.

Um dos apresentadores ainda provocou a menina, questionando se ela ficaria chateada se ele matasse o gato dela. “O quê? Você está dizendo que eu não posso ter um gato por caçar?”, questionou, irritada, Aryanna. O pai dela disse que aquela era uma pergunta capciosa. “Nós nunca matamos um animal de estimação É uma pergunta depreciativa e cai na mesma categoria que as ameaças de morte. Nós nunca pensaríamos em matar o animal de estimação de alguém”, afirmou.

Durante as férias ao lado dos pais, na África do Sul, a menina e o pai mataram mais de uma dúzia de animais selvagens. Ela postou fotos nas redes sociais se vangloriando de ter matado girafa, gnus, impalas e zebras, enquanto o pai postou fotos em mídias sociais de si mesmo ao lado de um grande antílope que ele havia matado. A família mora em Cove, no Utah, nos Estados Unidos.

Caçadora causa polêmica (Crédito: Extra)
Caçadora causa polêmica (Crédito: Extra)
Caçadora causa polêmica (Crédito: Extra)
Caçadora causa polêmica (Crédito: Extra)
Fonte: Com informações do Extra