Camaro: Morre motorista que teve quase 90% do corpo queimado

O carro de Domingues pegou fogo após ter sido atingido pelo Camaro

O motorista Edson Roberto Domingues, 55, que teve 90% do corpo queimado em um acidente que envolveu um Camaro na última sexta-feira (30), na zona norte de São Paulo, morreu na noite de ontem (4) no Hospital das Clínicas.Segundo o hospital, Domingues morreu por volta das 23h de ontem. Ele estava na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da unidade desde o acidente, em estado gravíssimo. Ele também respirava com a ajuda de aparelhos.


Camaro: Morre motorista que teve quase 90% do corpo queimado

O carro de Domingues pegou fogo após ter sido atingido pelo Camaro de Felipe de Lorena Infanti Arenzon, 19, na avenida Inajar de Souza. Ao todo, o jovem atingiu seis veículos e deixou quatro pessoas feridas. Ele foi preso após o acidente e libertado na última segunda-feira (3) após pagar fiança de R$ 245 mil.

Felipe responde a um inquérito policial no qual será indiciado sob suspeita de tentativa de homicídio, embriaguez ao volante e fuga de local de crime. Segundo a polícia, ele se recusou a fazer o teste do bafômetro, mas uma lata de cerveja foi apreendida dentro de seu carro.

Fonte: Folha.com