Campanha do Detran colocou atores participando de blitz nas BRs do Piauí

Campanha do Detran colocou atores participando de blitz nas BRs do Piauí

A campanha realizada pelo Detran,estima que mais de 2 mil pessoas recebam as dicas dos educadores, nestes quatro dias

Os condutores que saíram de Teresina pelas BR 343 e 316 durante esta semana foram abordados por educadores de trânsito que deram dicas de como evitar acidentes nas estradas.

A campanha teve início na segunda-feira e se estende até hoje. A estimativa é de que mais de 2 mil pessoas recebam as dicas dos educadores, nestes quatro dias.

As blitze estão sendo realizadas das 8h às 10h e de 15h às 17h, nas saídas de Teresina, nas duas BRs.

A campanha é realizada pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran), em parceria com a Escola Piauiense de Trânsito, e ainda com a colaboração da Companhia de Teatro Cajuína, que disponibilizou atores caracterizados de anjos para fazer alusão à Semana Santa e que estão também nas duas BRs, junto com os educadores de trânsito.

?Nosso objetivo é conscientizar os motoristas sobre a gravidade de um acidente na estrada. Por causa da data, o fluxo de veículos é intenso nas duas BRs, então as pessoas precisam ser lembradas do que devem e não devem fazer na estrada.

Nós chamamos atenção para a necessidade do cinto de segurança, do perigo das ultrapassagens em locais indevidos, do cuidado necessário durante períodos de chuva, dentre uma série de outras dicas?, disse Oneide Silva, educador da Escola Piauiense de Trânsito.

Para o condutor Antônio Guimarães, que pegou a estrada na manhã de ontem para a cidade de Picos, essa ação é importante para a conscientização dos motoristas que viajam em feriados como este, bastante movimentados. ?Eles nos dão dicas preciosas. Muitos já sabem de tudo que eles falam, mas não custa nada lembrar.

Acho importante fazer esse lembrete e mostrar a importância de sermos prudentes no trânsito?, pontuou.

Oneide afirma que esse objetivo de preservar a vida humana só vai ter total sucesso quando poder público e sociedade se unirem para que isso aconteça e principalmente quando começarem a levar essa conscientização para a base. ?Nós precisamos educar nossas crianças, para que quando chegarem à fase de dirigir, elas já saibam como devem fazer?, conclui.

Fonte: Pollyana Carvalho