Campanha 'Viva.Não mate, nem morra' reduz infrações em 49%

A campanha educativa promovida pelo Detran, com apoio da MN

Por causa das ações de fiscalização e campanhas educativas na região Norte do Piauí, as infrações de trânsito foram reduzidas em 49% no primeiro semestre deste ano em relação ao mesmo período de 2014, informou o diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Arão Lobão.

O Detran, com o apoio do Sistema Meio Norte de Comunicação iniciou em junho, a campanha educativa “Viva. Não mate, nem morra”, para promover a paz no trânsito, conscientizando condutores para a redução os índices de acidentes. Em julho, a campanha realizou ações no litoral do Piauí, período em que há grande movimentação devido às férias de julho.

Arão Lobão afirmou que a ausência de registro de mortes no trânsito na região de Parnaíba e redução das mortes em acidentes na região Norte já são resultado da conjunção da intensificação da fiscalização e da campanha de educação de trânsito. “A fiscalização deve estar conjugada com a educação. As duas ações têm que estar conjugadas”, declarou Arão Lobão.

Image title


Em Teresina, outra ação do Detran visa conscientizar principalmente motociclistas. Pela primeira vez em Teresina, ocorre na capital a MotoCheck-up, promovida pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), em parceria com o Detran e da Prefeitura de Teresina, através da (Strans), com o objetivo de orientar e conscientizar os motociclistas para a pilotagem correta e segura.

A abertura do evento aconteceu na quarta-feira (05), com a presença da governadora em exercício, Margarete Coelho. Para ela, a consequência dos acidentes de trânsito sobre a saúde e a segurança, e até as sequelas e perdas de vida, faz com que o Brasil se volte para esse assunto, que é um dos seus maiores problemas.

“Esse check-up possibilita ao usuário fazer uma revisão nos seus equipamentos e o instruir a como usar melhor esses equipamentos. O Estado está muito agradecido a Abraciclo, que já se torna uma parceria vitoriosa, porque foca nesse que é um dos nossos principais problemas”, declarou a governadora.

Durante o evento, que segue até sexta-feira (7), no estacionamento do estádio Albertão, localizado na Avenida Gil Martins, os participantes passarão por um circuito com duração de 20 minutos, em média, onde serão oferecidos serviços gratuitos para avaliação de 21 itens de segurança das motocicletas, de todos os modelos.

Técnicos mostrarão como deve ser a pilotagem defensiva e o uso correto dos freios. Para completar, serão distribuídos brindes aos participantes e entregues vales, que possibilitam a troca completa de óleo das motocicletas.

Fonte: Jornal Meio Norte